Com saída de Riascos, Nenê aposta em Thalles para suprir ausência: "Pode nos ajudar bastante"

Thalles está em um bom momento no Vasco e tem a confiança do camisa para se firmar no time titular.

Com saída de Riascos, Nenê aposta em Thalles para suprir ausência: "Pode nos ajudar bastante"
(Foto: Paulo Fernandes/Vasco da Gama)

Às vesperas da partida de volta pela Copa do Brasil, contra o CRB, o Vasco realizou treinamento fechado a impresa. Logo ao fim das atividades, o camisa 10 cruz-maltino, Nenê, autor de três gols na vitória por 4 a 0 sobre o Sampaio Corrêa no último sábado (14), concedeu uma coletiva e foi questionado sobre quem seria o melhor substituto de Riascos para o jogo desta quarta-feira (18). O meia, que parece sempre estar de bem com a vida, respondeu com bom humor.

"Quer me colocar na fogueira, né? (risos). De imediato seria o Thalles. O Eder é uma outra posição. É mais aberto, já teria que mudar. Para não mudar o esquema, seria Thalles. Pronto, respondi (risos). Eu creio que ele pode nos ajudar muito. Mesmo ele não jogando tanto, ele tem seis gols. Ele nos ajudou bastante, na Copa do Brasil mesmo. Ele está com a cabeça diferente, concentrada no trabalho. Creio que ele pode perfeitamente cumprir esse papel e ser essa referência na frente", frisou Nenê.

Thalles no treino desta tarça-feira (17) (Foto: Paulo Fernandes/Vasco da Gama)

Quando indagado sobre a saída do colombiano, o armador lamentou bastante mesmo que ainda indefinido. 

"Situação difícil para a gente, para ele, para o clube. Queríamos que ele continuasse. Felicidade de ele ter dado a volta por cima. É uma pessoa extraordinária. Infelizmente, ainda está indefinido. Claro que ficaremos tristes se ele não continuar. Mas faz parte do futebol. Creio que ele está com a cabeça tranquila. Infelizmente, não podemos controlar tudo. Depende do Cruzeiro. Ainda não está nada definido. Tomara que tenha uma reviravolta", lamentou Nenê, mas com um tom de esperança.

O Vasco volta a campo nesta quarta-feira (18), às 19h30, em São Januário em partida de volta pela Copa do Brasil, contra o CRB. No primeiro jogo, o Gigante da Colina vanceu por 1 a 0, com gol de Rodrigo de falta.