Vasco tem retrospecto positivo contra adversários chilenos, confira

Histórico da equipe carioca jogando contra equipes do Chile é impecável

Vasco tem retrospecto positivo contra adversários chilenos, confira
Após vinte anos o Gigante da Colina tentará reconquistar a Copa Libertadores da América. (foto: Tadeu Saldanha)

Após seis anos o Vasco da Gama finalmente voltará a disputar uma Copa Libertadores da América. A equipe carioca entrará em campo nesta quarta-feira (31), às 21:45, para enfrentar a Universidad de Concepción, em partida de ida da pré-libertadores, no Estádio Municipal de Concepción (CHI).

O histórico do Gigante da Colina contra Chilenos é excelente. O Almirante nunca perdeu, são 4 jogos contando ida e volta, sendo dois empates e duas vitórias.

Libertadores de 1990

Em 1990, sob o comando de Roberto Dinamite e Bismarck, o adversário da vez foi o respeitado Colo-Colo, jogando as oitavas de final. No primeiro jogo empate de 0 a 0 em São Januário. Na partida de volta, 3 a 3 e decisão por pênaltis. Nas cobranças, melhor para a equipe carioca: 5 a 4.

Zagueiro Equatoriano Quiñonez era querido pela apaixonada torcida Vascaína.

Libertadores de 2001 

Onze anos depois o Vasco estaria mais uma vez frente a frente com outro time chileno, desta vez o Deportes Concepción, que não é o mesmo adversário desta semana. Mas com o baixinho Romário e companhia o Cruzmaltino não teve dificuldade, ganhou fora de casa por 3 a 1 e no jogo de volta por 1 a 0 no Rio de Janeiro.

Para o torcedor mais supersticioso vale ressaltar ainda um confronto ocorrido em 1948 pelo Campeonato Sul-americano de Clubes, onde o Almirante empatou por 1 a 1 novamente contra o Colo Colo. O campeonato era de pontos corridos e o Gigante da Colina se sagrou o primeiro campeão sul-americano de clubes.