Jogadores tiveram mérito em vitória contra o Sport, afirma Gallo: "Eles se dedicaram muito"

Equipe baiana venceu o Leão em Pernambuco por 3 a 1 e saiu da zona de rebaixamento

Jogadores tiveram mérito em vitória contra o Sport, afirma Gallo: "Eles se dedicaram muito"
Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória

O Vitória foi até Recife para enfrentar o Sport neste domingo (18) em duelo de rubro negros nordestinos que precisavam vencer para se recuperar no Brasileirão. Após os 90 minutos, o time baiano venceu por 3 a 1 e saiu da zona de rebaixamento, chegando à 16° posição com oito pontos, mesma do rival pernambucano mas fica na frente pelo saldo de gols. Uillian Correia, Kanu e André Lima marcaram para os baianos. Diego Souza anotou o único gol do time anfitrião.

Foi a primeira vitória do leão baiano longe de Salvador. O técnico Alexandre Gallo atribuiu o resultado positivo para a dedicação dos jogadores em campo. "Acho que os jogadores se dedicaram muito. Nós mudamos o sistema em função do que o Sport vinha apresentando. Eles se entregaram e nós tivemos uma vitoria em 90 minutos de jogo controlado, não é fácil de fazer na Ilha [o Retiro] então estão de parabéns e agora é manter os pés no chão", disse Gallo.

O treinador também comentou sobre enfrentar Luxemburgo, enfatizando o quão importante Vanderlei foi para sua carreira. "Não é fácil. Ele é um grande treinador. Ele foi o norte da minha carreira, fui atleta e auxiliar dele e devo muito estar aqui à ele. Encaixamos um bom jogo, determinação na marcação foi um ponto importante no que a gente fez".

Géferson voltou a ser o titular na lateral esquerda, a primeira vez com Gallo no comando técnico. O jogador, que chegou ao time no início da temporada ainda não convenceu no Vitória. Gallo comentou sobre o camisa 6 confirmando o merecimento na titularidade. "As críticas acontecem quando o atleta erra, todos somos passiveis de erro, fui atleta profissional também. Eu sei que a fase é cíclica, as vezes você faz 4, 5 jogos bons mas um você cai de produção. Ele é um bom atleta, é mais defensivo que Thallyson e precisávamos mais disso no lado defensivo, por isso fiz a escolha e ele fez por merecer".

Por fim, o técnico falou sobre enfrentar o Santos, adversário da nona rodada na próxima quarta-feira (21). "Outra luta. O Santos é uma equipe técnica e rápida e sabemos que não teremos vida fácil. É importante que a gente se recupere, recuperação hoje é primordial pra a gente para que a gente possa atuar em bom nível com o Santos", encerrou.

Esporte Clube Vitória