Mancini elogia atuação do Vitória após bater a Ponte Preta: "Foi competitivo"

Técnico não escondeu a satisfação com o resultado positivo além de desconhecer um pouco o time antes de assumir o comando

Mancini elogia atuação do Vitória após bater a Ponte Preta: "Foi competitivo"
Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória

O Vitória enfim voltou a vencer no Campeonato Brasileiro. Jogando no Barradão, o Leão não tomou conhecimento da Ponte Preta, vencendo os paulistas por 3 a 1. O resultado positivo no entanto ainda deixa a equipe na 19° colocação com 16 pontos, agora apenas três pontos fora da zona da degola.

Vágner Mancini comentou o duelo e não deixou de elogiar seu elenco. “Acima de tudo, aquilo que já vivi nas outras vezes em que estive aqui: a característica do time do Vitória. É um time que joga em velocidade, que marca forte, que seja incessantemente agressivo no começo da partida. E nós fizemos isso. Teve uma pitada importante que foi o gol no começo do jogo. O Vitória fez um grande primeiro tempo, um grande jogo, e sofreu um pouco no segundo tempo, o que não deixa de ser normal, porque enfrentamos uma grande equipe. O Vitória fez o que eu esperava, foi competitivo. Isso é o teor da equipe”, afirmou.

Mancini já comandou o time baiano em sua volta por dois duelos e anotou quatro de seis pontos possíveis.  Mesmo sem saber como estava o andamento dos baianos, o treinador mostrou flexibilidade na montagem do time que perdeu Carlos Eduardo instantes antes do início do jogo por um desconforto.

"Assisti um pouco ao Vitória antes de eu chegar em termos táticos. Diante do que foi armado contra o Cruzeiro até hoje, a organização da equipe te dá segurança. O time sabe quando tem que marcar na frente, no centro de campo, atrás. Com o Tréllez com Neilton por dentro, o Yago com Caíque Sá, David com Juninho, tenho um time rápido. Eu tenho que ter um time compactado. A equipe se organizou muito bem contra o Cruzeiro e mostrou mais no aspecto ofensivo. Uma equipe que pode brigar”, enfatizou o técnico.

Juninho, lateral esquerdo que aproveitou a oportunidade de ser o titular da posição, comemorou o resultado positivo mas ponderou sobre a longa caminhada que o clube enfrentará. “A equipe está evoluindo. Tem muita coisa ainda. A gente acredita. Vamos reverter essa situação. Hoje demos um grande passo para reverter essa situação”, afirmou o jogador.

No próximo domingo (6), o time baiano viajará até Rio de Janeiro para enfrentar o Flamengo às 11h no Luso Brasileiro com objeito de livrar-se da incômoda vice-lanterna.


Share on Facebook