Espanha vence e Brasil perde a primeira no handebol feminino nos Jogos Olímpicos do Rio

Espanha abriu vantagem, Brasil correu atrás, mas acabou derrotado

Espanha vence e Brasil perde a primeira no handebol feminino nos Jogos Olímpicos do Rio
Foto: EFE
Brasil
24 29
Espanha

Na manhã desta quarta-feira (10), o Brasil foi derrotado para a Espanha pela terceira rodada da fase preliminar do handebol feminino. A equipe brasileira havia vencido os dois primeiros jogos, mas acabou derrotada para as espanholas em uma partida de fortes emoções.

O Brasil está na liderança do Grupo A, empatado com a Espanha, e volta à quadra na sexta-feira (12), contra a Angola, às 9h30 (de Brasília) e se vencer garante antecipadamente a classificação para as quartas de final. As angolanas tem sido uma grande surpresa nos Jogos Olímpicos do Rio e podem assumir a liderança ainda nesta rodada.

Espanha é superior e abre vantagem

Diferente dos últimos jogos, quando começou melhor, desta vez o jogo começou mais equilibrado. Enfrentando as medalhistas de bronze em Londres 2012, era esperado que o Brasil teria dificuldade. A partida começou lá e cá, mas aos poucos as espanholas foram abrindo frente no placar.

O Brasil ficou quase dez minutos sem marcar um gol e ficou em situação complicada. Mas, no fim do primeiro tempo, conseguiu diminuir a vantagem da Espanha, que foi para o intervalo vencendo por 15 a 12, com destaque para a espanhola Navarro.

Brasil reage, luta até o fim, mas Espanha vence

No segundo tempo, o Brasil voltou mais ligado. Empurrado pela torcida - que fez da Arena do Futuro um caldeirão mais uma vez - as brasileiras foram tirando a vantagem da Espanha e encostaram no placar.

Mas a seleção brasileira não conseguia aproveitar as oportunidades, principalmente nos momentos em que a Espanha ficou com um a menos - por punição de dois minutos. Na segunda metade da etapa final, o jogo ficou emocionante. O Brasil chegou a diminuir o placar para 25 a 24, mas dois erros seguidos colocaram a Espanha com três gols de vantagem. Aos 28 minutos, Fernanda foi punida por falta e o Brasil jogou com um a menos até o final. Assim, a Espanha garantiu a vitória.