Estados Unidos surpreende e bate Argentina na abertura do Grupo B do hóquei feminino

Norte-americanas abriram vantagem com gols de Reinprecht e Kasold e Merino apenas descontou às Leonas

Estados Unidos surpreende e bate Argentina na abertura do Grupo B do hóquei feminino
(Foto: Divulgação / Official USA Field Hockey)
Argentina
1 2
Estados Unidos

No início da noite deste sábado (6), Argentina e Estados Unidos duelaram pela primeira rodada do grupo B do hóquei de grama feminino nos Jogos Olímpicos Rio 2016. As norte-americanas levaram a melhor sobre a seleção albiceleste das Leonas. Gols marcados por Reinprecht e Kasold. Merino descontou para Argentina.

O grupo B do hóquei feminino ainda conta com Austrália, Grã Bretanha, que duelam às 20h30 deste sábado, Japão e Índia, que duelam neste domingo, às 11h00. Lembrando que quatro seleções avançam às quartas de final do torneio olímpico.

No duelo entre EUA e Argentina, logo no início, Lucina von der Heyde inaugurou a lista de cartões verdes, mostrando que o jogo seria dureza. Defina Merino perdeu grande chance cara a cara com a arqueira adversária na sequência.

Barrionuevo finalizou em mais uma chegada argentina e a goleira Briggs conseguiu espalmar para evitar o primeiro gol. Somente após o fim do primeiro quarto, os Estados Unidos conseguiram seu primeiro corner curto da partida. Do outro lado, a argentina Merino experimentou a gol e Briggs defendeu novamente.

A melhor jogada norte-americana surgia em passe de Bam para Succi, que definiu mal, mas, com uma segunda oportunidade no lance, carimbou a trave. A igualdade sem gols persistiu ao final da primeira metade: 0 a 0.

Albertario desviou às redes em jogada de Pilar, mas o vídeo foi acionado e a arbitragem pegou irregularidade no lance. Na primeira chegada estadunidense após, o gol: Reinprecht arrematou de longe, a goleira tentou cortar com o pé e falhou feio, levando o tento inaugural do marcador. Estados Unidos saiu na frente no terceiro quarto.

A seleção dos EUA conseguiu colocar outra na rede na sequência, mas como o desvio final foi de fora da área, o gol no hóquei sobre a grama não é validado. Os Estados Unidos apresentaram boas condições físicas, as Leonas precisaram sair para o jogo e o contra-golpe ficou disponível às do norte.

Já no último quarto, Campoy cometeu um pênalti corner faltando 10 minutos ao final. Kasold desviou às redes na jogada ensaiada para ampliar: 2 a 0. As Leonas já não esboçavam mais grandes reações com o time estadunidense bem postado defensivamente e não dando espaço a individualismos.

Apesar disso, Merino recebeu de costas para o gol e arrematou de surpresa na área, descontando: 2 a 1. O cronômetro caminhou para o final e as norte-americanas sustentaram a vitória. As Leonas, duas vezes prata e duas vezes bronze em Jogos Olímpicos, começaram com derrota na competição.