Alemanha vence terceira sobre lanterna Irlanda e segue líder do Grupo B do hóquei masculino

Atuais bicampeões olímpicos encontraram dificuldades, mas conseguiram chegar ao resultado positivo e manter 100% de aproveitamento

Alemanha vence terceira sobre lanterna Irlanda e segue líder do Grupo B do hóquei masculino
AFP / Getty Images
ALEMANHA
3 2
IRLANDA

No início da tarde desta terça feira (09/08), a seleção Alemã de hóquei na grama conseguiu a sua terceira vitória consecutiva nas Olimpíadas Rio 2016 diante da fraca e última colocada do grupo, Irlanda, por 3 a 2.

A Alemanha segue lider do grupo B com 9 pontos e é seguida por Países Baixos que tem 7 pontos e Índia com 6. A Irlanda é última colocada com 0 pontos acompanhada do Canadá, também com 0.

Na próxima quinta feira (11), a Alemanha pega a quarta colocada Argentina e a Irlanda enfrenta o Canadá.

O cenário para um passeio germânico estava totalmente montado. A Alemanha chegou na partida como favorita e líder do grupo B. A fraca seleção Irlandesa vinha de duas derrotas. Todas as apostas estavam em cima dos atuais bi campeões olímpicos, mas o jogo foi bem diferente das expectativas. 

A seleção Alemã começou mostrando domínio do jogo, criando situações e chutando muito no gol, mas sem efetividade.  O goleiro Irlandes  David Hart, eleito o melhor goleiro de hóquei na grama do mundo em 2015, começou a brilhar. Ainda no primeiro tempo a Irlanda teve a chance de abrir o placar após a marcação de um penalty corner, mas dessa vez quem brilhou foi o goleiro da Alemanha, Jacobi fez grande defesa. A superioridade técnica dos Germânicos era evidente, mas o gol teimava em não sair, até que foi marcado um penalty corner a favor da Alemanha. Depois de cobrado, o capitão Moritz Fürster aparou com força no canto direito de Hart, abrindo o placar a favor da Alemanha.

O segundo tempo começou e a síntese do início foi a mesma do primeiro tempo. Alemanha atacava e Irlanda defendia, a estrela de Hart só bilhava mais. Todo o sucesso defensivo da Irlanda deixou o time da Alemanha nervoso, e a Irlanda se aproveitou desse nervosismo. A bola veio da esquerda e Eugene Magee pegou um chute de revés muito bem sucedido no canto superior esquerdo do goleiro Jacobi. Os favoritos sentiram o gol e não tinham paciência para as finalizações, e assim terminou o segundo tempo.

No terceiro tempo, a seleção Alemã voltou mais focada e calma. O domínio era total e a bola foi facilmente roubada no meio do campo em vários momentos. A Irlanda ficou acoada e assustada, enquanto a Alemanha atacava com mais exito pelo lado esquerdo de ataque.

Em um desses ataques foi marcado o penalty corner para a Alemanha. Depois da cobrança, Moritz Fürster fez o segundo da Alemanha e o seu segundo no jogo, mais uma vez em um penalty corner. O gol deu confiança para os Germânicos irem atrás de um placar mais elástico. Em jogada individual pelo meio, Martin Zwicker ganhou a dividida e colocou a bola dentro do gol. A Alemanha abria dois de vantagem no score ao fim do terceiro tempo.

Com o início do quarto tempo, a Alemanha tinha todas as condições de ampliar o placar, justificados por sua superioridade técnica. A Irlanda não conseguia fazer nada além de se defender, por consequência, o quarto gol Alemão não saia. Perto do final do jogo, em rara subida a Irlanda descontou com Michael Darling, em gol que colocou fogo na partida, mas o jogo terminou com a justa vantagem Alemã.