Stipe Miocic supera Fabrício Werdum e é o novo campeão dos Pesos-Pesados do UFC

Lutador croata-americano estraga euforia do brasileiro com nocaute logo no primeiro round, conquistando o cinturão do UFC pela primeira vez na carreira; Pelo co-evento principal, Jacaré vence Belfort e exige luta pelo título

Stipe Miocic supera Fabrício Werdum e é o novo campeão dos Pesos-Pesados do UFC
Vitória de Miocic chocou público presente na Arena da Baixada (Foto: Getty Images)

A Arena da Baixada recebeu, neste sábado (15), o maior evento de UFC já realizado no Brasil. A edição de número 198 do Ultimate, que teve todos os seus 42 mil ingressos vendidos em Curitiba, foi a primeira realizada em um estádio de futebol no país, contando com um card estrelado. Na luta principal da noite, Fabrício Werdum, que havia tomado o cinturão dos Pesos-Pesados de Cain Velasquez, acabou não confirmando o favoritismo. Isso porque Stipe Miocic, o desafiante, acertou um potente cruzado de direita no queixo do brasileiro, derrubando o adversário ainda no primeiro round e se apoderando do cinturão. 

Além dessa luta, o evento também ficou marcado pela vitória de Ronaldo Jacaré sobre Vitor Belfort, por nocaute técnico, também no primeiro round. Na entrevista pós-luta, o vencedor exigiu uma disputa de título contra Luke Rockhold ou Chris Weidman, que duelam pelo UFC 199. Fechando o card principal, destaca-se também a vitória arrasadora da estreante Cris Cyborg sobre Leslie Smith, o contestado triunfo de Maurício Shogun contra Corey Anderson e a derrota do até então invicto Warlley Alves para o americano Bryan Barberena.

Afoito, Fabrício Werdum é nocauteado por Stipe Miocic

A luta entre Werdum e Miocic começou com muito estudo. O brasileiro tentava chutes baixos, enquanto o croata-americano arrancou suspiros da torcida após um cruzado muito bem esquivado por Werdum. 

Após uma combinação de jabs mal combinada por Werdum, Miocic demonstrou resposta rápida, acertando o campeão. Aparentemente impaciente e buscando uma conclusão para a luta logo no primeiro round, o brasileiro partiu para cima do adversário, tentando uma série de golpes sem que conseguisse encaixar nenhum. Aproveitando o espaço, Miocic respondeu com um forte cruzado de direita, acertando o queixo de Werdum, que foi para a lona. Vitória por nocaute aos 2m47s do 1º round.

"Primeiro quero agradecer aos fãs. Eu sei que vocês estavam contra mim, mas são vocês que fazem o esporte acontecer. Fabricio é um cara duro, eu tive que adivinhar o que ele estava fazendo. Foi uma luta dura", disse Stipe Miocic, novo campeão da divisão, após a luta. 

Já Fabrício Werdum, reconhecendo o mérito adversário, foi mais econômico. "Eu tenho que admitir que hoje o Miocic foi melhor que eu. Foi um detalhe, mas eu vou voltar com tudo e vou ganhar o cinturão de novo", revelou. 

Ronaldo Jacaré domina Vitor Belfort e cobra luta pelo cinturão

Apoiado pela grande maioria dos torcedores da Arena da Baixada, que vaiaram a entrada de Vitor Belfort, Ronaldo Jacaré demonstrou muita atitude diante da lenda do MMA. No início da luta, ele conseguiu, rapidamente, encurtar a distância para Belfort, desferindo alguns golpes e espremendo-o na grade. No chão, aplicou cotoveladas sobre o rival, que teve um corte aberto no rosto. 

Após a luta ser paralisada para o atendimento a Belfort, os lutadores retomaram a disputa exatamente no lugar onde haviam parado e, dessa forma, o domínio de Jacaré acabou sendo ainda mais intenso. Assim, após encaixar uma série impressionante de golpes, o massacre já estava consolidado, e não demorou para que o árbitro apontasse a vitória por nocaute técnico, aos 4m38s do 1º round. 

Na entrevista após a vitória, Jacaré disse que uma luta pelo título dos médios já é uma questão de merecimento. "Antes de tudo, eu mereço uma oportunidade de lutar pelo cinturão. Não estou pedindo, não. Eu mereço uma chance", disse o brasileiro

Cyborg atropela Leslie Smith em sua estreia pelo UFC

A expectativa pela estreia de Cris Cyborg pelo UFC era gigantesca. E isso se deve ao seu invejável cartel, títulos em outras organizações e estilo de luta agressivo. Assim, Leslie Smith, que recebeu a tarefa de enfrentar a brasileira, acabou sendo uma presa fácil. 

Depois de conseguir acertar um ótimo cruzado, a Cyborg derrubou a adversária e, no chão, consolidou o domínio. Vitória tranquila, por nocaute técnico, logo aos 1m21s do 1º round.

"Estou realizando um sonho, obrigado a todos que vieram aqui. Sei que muitos vieram para a minha primeira luta. Agradecer a todos e também a Leslie por fazer parte desse sonho. Eu sou campeã há dez anos, que defender meu cinturão, mas posso fazer lutas casadas. Sou campeã", disse Cyborg, emocionada, após a vitória em Curitiba. 

Shogun derrota Anderson por decisão dividida; Alves perde invencibilidade para Barberena

Lutando em casa, o curitibano Maurício Shogun fez um primeiro round melhor em relação a Corey Anderson, que até controlou boa parte do tempo na grade, mas foi derrubado pelo brasileiro e acabou sendo salvo pelo gongo. No segundo round, Anderson conseguiu ser mais dominante, conquistando duas quedas. Entretanto, foi novamente surpreendido por Shogun, que acertou um golpe crucial para a decisão dos juízes, visto que o terceiro e último round acabou sendo dominado de ponta a ponta por Anderson. Dessa forma, vitória para o brasileiro por decisão dividida (28-29, 29-28 e 29-28 ). 

Já na luta que abriu o card principal, Warlley Alves, campeão do TUF Brasil e até então invicto no MMA, enfrentou o azarão Bryan Barberena. Logo de início, Warlley partiu para cima do adversário, quase encaixando uma finalização nos segundos iniciais de luta. Embora não tenha sido possível realizá-la, o brasileiro dominou o primeiro round e largou frente. Porém, a sequência da luta acabou sendo mais favorável a Barberena, que teve cautela na escolha dos golpes e apresentou jogo de chão superior ao do rival. Vitória por decisão unânime (triplo 29-28 ).

Resultados do card preliminar

Demian Maia venceu Matt Brown por finalização aos 4m31s do 3º round
Thiago Marreta venceu Nate Marquardt por nocaute aos 3m39s do 1º round
Francisco Massaranduba venceu Yancy Medeiros por decisão unânime (29-26, 30-27 e 30-26)
John Lineker venceu Rob Font por decisão unânime (30-27, 29-28 e 30-27)
Rogério Minotouro venceu Patrick Cummins por nocaute aos 4m52s do 1º round
Serginho Moraes e Luan Chagas empataram (29-28, 28-29 e 28-28 )
Renato Moicano venceu Zubaira Tukhugov por decisão dividida (28-29, 29-28 e 29-28 )