Luta Olímpica: tudo o que você precisa saber para o Rio 2016

Uma das modalidades mais tradicionais da história, a luta olímpica conta principalmente com atenção e determinação

Luta Olímpica: tudo o que você precisa saber para o Rio 2016
Luta Olímpica: tudo que você precisa saber para o Rio 2016

A Luta Olímpica leva aos Jogos Olímpicos a nobreza e respeito de uma modalidade que carrega anos e anos de história. Sem o uso de qualquer equipamento, os lutadores seguem um código rígido de conduta e levam ao amante do esporte uma competição disputada com atenção, força e muita emoção. Sem medalhas do Brasil até hoje, a disputa por essa conquista em casa pode motivar os lutadores brasileiros.

Local de competição

Entre as novas instalações que estão sendo construidas para os Jogos Olímpicos, a Arena Carioca 2 será a casa das lutas olímpicas no Rio 2016. O local fica no Parque Olímpico da Barra da Tijuca e está com as obras de sua estrutura avançadas, já que a área de competições e as arquibancadas provisórias estão prontas.

Campeões em Londres 2012 (não há disputa de terceiro lugar, então os derrotados na semifinal levam o bronze)

Luta greco-romana masculina
Até 55 kg:
Ouro - Hamid Mohammad Soryan Reihanpour (IRI)
Prata - Rovshan Bayramov (AZE)
Bronze - Peter Modos (HUN) e Mingiyan Semenov (RUS)

Até 74 kg: Ouro - Roman Vlasov (RUS)
Prata - Arse Julfalakyan (ARM)
Bronze - Aleksandr Kazakevic (LTU) e Emin Ahmadov(AZE)

Até 60 kg: Ouro - Omid Haji Noroozi (IRI)
Prata - Revaz Lashkhi (GEO)
Bronze - Ryutaro Matsumoto (JPN) e Zaur Kuramagomedov (RUS)

Até 84 kg: Ouro - Alan Khugaev (RUS)
Prata - Karam Mohamed Gaber Ebrahim (EGY)
Bronze - Danyal Gajiyev (KAZ) e Damian Janikowski (POL)

Até 120 kg: Ouro - Mijain Lopez Nunez (CUB)
Prata - Heiki Nabi (EST)
Bronze - Riza Kayaalp (TUR) e Bronze - Johan Euren (SWE)

Até 66 kg: Ouro - Hyeonwoo Kim (KOR)
Prata - Tamas Lorincz (HUN)
Bronze - Steeve Guenot (FRA) e Manuchar Tskhadaia (GEO)

Até 96 kg: Ouro - Ghasem Gholamreza Rezaei (IRI)
Prata - Rustam Totrov (RUS)
Bronze - Artur Aleksanyan (ARM) e Jimmy Lidberg (SWE)

Luta livre feminina
Até 48 kg:
Ouro - Hitomi Obara (JPN)
Prata - Mariya Stadnyk (AZE)
Bronze - Carol Huynh (CAN) e Clarissa Kyoko Mei Ling Chun (USA)

Até 63 kg: Ouro - Kaori Icho (JPN)
Prata - Ruixue Jing (CHN)
Bronze - Lubov Volosova (RUS) e Battsetseg Soronzonbold (MGL)

Até 55 kg: Ouro - Saori Yoshida (JPN)
Prata - Tonya Lynn Verbeek (CAN)
Bronze - Jackeline Renteria Castillo (COL) e Bronze - Yuliya Ratkevich (AZE)

Até 72 kg: Ouro - Natalia Vorobieva (RUS)
Prata - Stanka Zlateva Hristova (BUL)
Bronze - Maider Unda (ESP) e Guzel Manyurova (KAZ)

Luta livre masculina
Até 55 kg:
Ouro - Dzhamal Otarsultanov (RUS)
Prata - Vladimer Khinchegashvili (GEO)
Bronze - Shinichi Yumoto (JPN) e Kyong Il Yang (PRK)

Até 74 kg: Ouro - Jordan Ernest Burroughs (USA)
Prata - Sadegh Saeed Goudarzi (IRI)
Bronze - Denis Tsargush (RUS) e Soslan Tigiev (UZB)

Até 60 kg: Ouro - Toghrul Asgarov (AZE)
Prata - Besik Kudukhov (RUS)
Bronze - Coleman Scott (USA) e Yogeshwar Dutt (IND)

Até 66 kg: Ouro - Tatsuhiro Yonemitsu (JPN)
Prata - Sushil Kumar (IND)
Bronze - Livan Lopez Azcuy (CUB) e Akzhurek Tanatarov (KAZ)

Até 84 kg: Ouro - Sharif Sharifov (AZE)
Prata - Jaime Yusept Espinal (PUR)
Bronze - Ehsan Naser Lashgari (IRI) e Dato Marsagishvili (GEO)

Até 96 kg: Ouro - Jacob Stephen Varner (USA)
Prata - Valerii Andriitsev (UKR)
Bronze - Khetag Gazyumov (AZE) e George Gogshelidze (GEO)

Até 120 kg: Ouro - Artur Taymazov (UZB)
Prata - Davit Modzmanashvili (GEO)
Bronze - Bilyal Makhov (RUS) e Komeil Ghasemi (IRI)

Favoritos para o Rio 2016

Nos Jogos Olímpicos Rio 2016, a luta livre feminina já tem já tem suas grandes favoritas. A russa Natalia Vorobieva, a americana Adeline Gray e as japonesas Kaori Icho e Saori Yoshida são os principais nomes em suas categorias e devem levar medalhas para casa. Pelo Brasil, o destaque é Aline Silva, que é a única da equipe brasileira a ter sua vaga praticamente assegurada.

Já nas categorias masculinas, os grandes vencedores das medalhas em Londres chegam novamente com força máxima e podem levar mais conquistas. Os principais nomes na modalidade são o cubano Mijain Lipes, na luta greco-romana, e o turco Taha Akgul, no estilo livre.

Curiosidades do Esportes 

A modalidade é uma das mais antigas registradas junto com a maratona. Além disso, as regras das lutas são rígidas e proíbem golpes baixos e mais pesados justamente para resgatar os valores iniciais.

Desde 1896 na Olimpíada, as lutas olímpicas apareceram em Atenas pela primeira vez com o estilo greco-romano e a modalidade só ficou fora dos Jogos em 1900, em Paris. Quando apareceu pela primeira vez, a luta livre só podia ser disputada por norte-americanos.

As mulheres só apareceram nessa modalidade em 2004, nos Jogos de Atenas. Elas só disputam o estilo livre na Olimpíada.

O Brasil nunca conseguiu conquistar uma medalha e na última Olímpiada a brasileira Joice Silva representou o país na categoria até 55kg, mas foi eliminada no  representado no Round 16.

Maiores medalhistas olímpicos

Masculino

Wilfried Dietrich (ALE), com três medalhas na categoria até 87kg na luta greco-romana – prata em Melbourne, 1956, e Roma, em 1960 – e uma na até 97kg – bronze em Tokyo, 1964. Seu único ouro foi em Roma, 1960, disputando o estilo livre até 87kg. Dietrich ainda conquistou uma medalha de bronze no México, em 1968, quando a Alemanha era dividida.

Artur Taymazov (UZB), lutador do estilo livre, com três medalhas de ouro na categoria 120kg – Londres, 2012, Pequim, em 2008, e Atenas, em 2004. Também levou uma medalha de prata em Sydney, em 2000, disputando a categoria até 130kg.

 Aleksandr Karelin (RUS), disputou o estilo greco-romano, conquistou na categoria até 130kg três medalhas de ouro – Seul, em 1988, Barcelona, 1992, e Atlanta, em 1996 – e uma de prata em Sydey, em 2000.

Feminino

 Kaori Icho (JAP), tem três ouros na categoria até 63kg – Atenas, em 2004, Pequim, em 2008, e Londres, 2012.

Saori Yoshida (JAP), três medalhas de ouro na categoria até 55kg – Atenas, em 2004, Pequim, em 2008, e Londres, 2012.

Irini Merleni (UCR), a lutadora da categoria até 48kg conquistou uma medalha de ouro, Atenas em 2004, e uma de bronze em 2008, em Pequim.