Ouro Olímpico: relembre a conquista da judoca Sarah Menezes

Piauiense ganhou primeiro ouro do judô brasileiro na história das Olímpiadas

Ouro Olímpico: relembre a conquista da judoca Sarah Menezes
Ouro Olímpico: relembre a conquista da judoca Sarah Menezes

Falta pouco para o início do evento multiesportivo mais famoso e cobiçado do planeta. Após receber a Copa do Mundo em 2014, o Brasil, agora, sediará os Jogos Olímpicos de 2016, que irão durar do dia 5 ao dia 21 de agosto. Nessas duas datas ocorrerão as cerimônias de abertura e encerramento, ambas marcadas para acontecerem no Maracanã.

País-sede das Olimpíadas nesse ano, o Brasil entra como um dos favoritos em algumas modalidades, dentre elas o judô. Isso porque, além de outros renomados atletas, a delegação brasileira contará ainda com Sarah Menezes. A judoca conquistou, em 2012, o primeiro ouro brasileiro em Londres. Além disso, também entrou para a história: a piauiense ganhou a primeira medalha dourada do judô brasileiro em Olimpíadas.

A campanha não foi fácil. Após uma apresentação ruim em 2008, sendo eliminada logo na primeira rodada, a judoca entrou sob pressão nos tatames londrinos para disputar a categoria ligeiro (até 48kg). Na estreia, a brasileira bateu Ngoc Tu Van, do Vietnã, com dois yukos, e se garantiu na próxima fase da competição. Na sequência, Sarah enfrentou a francesa Laetitia Payet e venceu de forma dramática. A vitória veio com mais um yuko a apenas 21 segundos do término da luta.

Nas quartas de final, a piauiense também não teve vida fácil, mas conseguiu mais uma vitória apertada. Lutando contra Shugen Wu, da China, Sarah levou a vantagem e se garantiu nas semis por duas punições aplicadas à chinesa por falta de combatividade, que acabaram gerando um yuko de diferença para a brasileira. Antes de chegar à final, mais um triunfo, novamente por yuko, dessa vez contra a belga Charline Van Snick.

Na grande decisão, Sarah Menezes teve pela frente a romena Alina Dumitru. A luta, como tinha que ser, foi disputada até o apagar das luzes, quando a brasileira deslanchou. Faltando apenas 49 segundos para o final, a piauiense conquistou um yuko e jogou a pressão para a adversária. Já com a vitória quase garantida, nos segundos finais Sarah ainda conseguiu um wasari e conquistou, dessa forma, o primeiro ouro brasileiro na história das Olimpíadas e a primeira medalha dourada do país naquela edição dos Jogos.