Mark Hunt provoca Brock Lesnar antes do UFC 200: "Dopado até a raiz do cabelo"

Peso-pesado encara o também veterano Brock Lesnar; confronto ocorre em 9 de julho pelo UFC 200

Mark Hunt provoca Brock Lesnar antes do UFC 200: "Dopado até a raiz do cabelo"
Foto: Bradley Kanaris/Getty Imagens

A luta entre os pesados Brock Lesnar e Mark Hunt pelo histórico UFC 200 promete e muito. Primeiro, por conta dos grandes duelos já vividos nas carreiras dos dois atletas, dentro e fora do Ultimate. Em segundo lugar, devido ao apelo comercial e o sucesso nas vendas de pacotes pay per view gerado por Lesnar, sendo ele um dos recordistas da organização nesse aspecto e estrela da empresa de pro-wrestling WWE.

Mas, um último ingrediente foi lançado pelo neozelandês Hunt, nesta semana. Em entrevista a FOX Sports Australiao lutador fez uma acusação bombástica direcionada ao oponente do dia 9 de julho. Para ele, Brock estaria sob efeito de substâncias proibidas.

"Eu acho que ele está dopado até a raiz do cabelo, mesmo assim acho que vou nocauteá-lo. Adoro competir, mas não acho que seja justo. Acho que a situação é completamente antiesportiva, mas isso não significa que ele não vá ser nocauteado. Não acho que ele deveria ficar imune do período de quatro meses de testes, se não todos também deveriam ser liberados", disparou Mark.

A insatisfação do "Super Samoan" se deve por causa da exceção aberta pelos executivos do Ultimate junto a USADA (Agência Antidoping Americana)  para que Brock seja liberado para o combate sem passar pelo padrão de quatro meses de testes antidoping, afinal o confronto entre eles está marcado já para o mês de julho, logo não haveria tempo suficiente para que tal medida fosse aplicada até o fim,

"Para falar a verdade, é uma palhaçada. Não acho que ninguém deva deixar de ser testado. Se querem limpar o MMA, essa é a pior forma de fazê-lo. Não importa quem você seja, tem que ser testado. É ridículo. Já disse o que pensava para Dana sobre o assunto", completou.

Brock Lesnar ainda tem contrato com a WWE. O lutador voltará a competir pela empresa no pay-per-view SummerSlam, que acontecerá dia 21 de agosto.

Foto: Divulgação/WWE