Los Angeles Kings e New York Rangers fazem o duelo de reconstruídos nas Finais da NHL

Os dois time que estão nas Finais da Stanley Cup, não são rivais mas possuem uma forte ligação por sua tradição e histórias de reconstrução pela NHL. Los Angeles Kings e New York Rangers precisaram mudar seus estilos como franquia e equipe para se reinventarem e hoje estarem entre as melhores equipes das últimas temporadas.

Os Kings mostraram que são a maior força da liga após atingirem a terceira Final de Conferência seguida, destronando os atuais campeões e os Rangers mais uma vez deram a volta por cima e finalmente estão nas Finais depois de serem eliminados pelos maiores rivais nos últimos dois anos.

A melhor equipe das últimas temporadas precisou esquecer a reviravolta dos últimos 10 anos

Quem acompanha os Kings nos últimos anos pensa que o time sempre esteve entre as maiores forças da liga, porém, a equipe da Califórnia passou por grandes reviravoltas em seu elenco e a diretoria chegou a ser totalmente mudada para que a equipe voltasse a ter bons resultados.

Em 2007, Dean Lombardi foi nomeado como novo presidente do clube e Marc Crawford para ser seu assistente, nascia assim uma nova Era para os Kings; o clube apostou no recrutamento de jovens e em veteranos que estavam sem clube na liga, após dois anos o time estava reconstruído e já tinha uma equipe forte para os playoffs.

Após ficar seis anos de fora dos playoffs o Los Angeles Kings na temporada 2009-10 se classificou para a pós-temporada, mas foram eliminados logo nas quartas de final pelo Vancouver Canucks que seriam depois os campões da Conferência Oeste. Na temporada seguinte os Kings foram parados mais uma vez na primeira rodada dos playoffs, desta vez pelos futuros campões da Conferência, o San Jose Sharks.

Em 2012, o time de Los Angeles chegou entre os favoritos ao título da NHL mas teriam pela frente a melhor equipe da temporada, o Vancouver Canucks. A série foi dominada amplamente pelos Kings que fizeram atuações impecavéis e se vingaram dos Canucks vencendo por 4-1. A confiança da vitória fez com que os Kings atropelassem o St. Louis Blues pelas semifinais do Oeste sem perder jogo algum.

O Phoenix Coyotes seriam os rivais dos Kings pelas Finais da Conferência e os rivais até saíram na frente contra o Los Angeles mas logo depois perderam quatro seguidas e os Kings se classificaram para as Finais da Stanley Cup, feito que não era atingido desde 1993. O primeiro e único título da Stanley Cup veio após uma série complicada contra o New Jersey Devils que conquistou duas vitórias mas pelo Jogo 6 fizeram uma péssima atuação e viram os Kings levantarem o troféu na NHL.

Defendendo o títlo em 2013, os Kings foram um dos melhores times da temporada regular e passaram facilmente pelos Blues pelas quartas de final da Conferência Oeste. Contra os Sharks, a série esteve empatada o tempo todo e os Kings tiveram que jogar muito bem para eliminar o rival da Califórnia no Jogo 7. Pelas Finais da Conferência, o Los Angeles Kings tiveram o Chicago Blackhawks como adversário e saíram na frente na série, porém viram os Blackhawks dominarem o resto da série e caírem por 4 a 1.

Los Angeles Kings e o título em 2012. (Foto: Reprodução / Getty Images)
Los Angeles Kings e o título em 2012. (Foto: Getty Images)

Eliminado pelos maiores rivais nos últimos três anos, os Rangers conseguem redenção e vão as Finais

O time mais contestado da Liga enfim consegue se classificar para as Finais da Stanley Cup depois de 20 anos, desde o seu último título. Para chegar ao topo da liga nesta temporada, o time de New York precisou reformular sua equipe e contar com a sorte que vinha andando do lado contrário dos Rangers. Foram quatro eliminações nos últimos cinco anos por seus maiores rivais: duas vezes pelo Washington Capitals, e uma vez pelo New Jersey Devils e Boston Bruins.

Na temporada 2007-08, os Rangers foram a franquia que mais gastou em contratações de todos os tempos com as vindas de Scott Gómez e Chris Drury. Com um elenco cheio de estrelas e uma temporada regular irretocável, o time de New York atropelou os Devils por 4 a 1 e chegariam como favoritos no confronto contra o surpreendente Pittsburgh Penguins.

O confronto começou com uma boa vitória dos Rangers que tiveram trabalho para segurar os Penguins, que logo depois liderou a série sem ceder uma vitória aos Rangers e eliminar o time considerado como favorito ao título da Stanley Cup.

Com todas as eliminações, o time foi altamente contestado pela mídia e a diretoria resolveu reformular o elenco e não investir tanto com contratações de peso. A demissão de John Tortorella aconteceu ao fim da temporada 2012-13, e o time resolveu apenas contratar Alain Vigneault - que treinava os Canucks, sem contratar qualquer jogador e manter o elenco.

A campanha até as Finais da Stanley Cup

Os dois times fizeram campanhas parecidas pela temporada regular, o Los Angeles Kings atingiram a marca de 100 pontos com 206 gols marcados; já o ataque do New York Rangers foi um dos mais eficientes da liga, porém o time conquistou 96 pontos na temporada regular.

O time de Los Angeles atingiu um feito inédito nos playoffs da NHL, a equipe disputou 21 jogos pela pós temporada, ou seja, todos os confrontos da equipe chegaram ao último e decisivo Jogo 7. Pelas quartas de final, o duelo contra o maior rival dos Kings, o San Jose Sharks abriu 3 a 0 e depois viu os Kings se recuperarem na série de maneira incrível e empatar a série em 3 a 3. O primeiro Jogo 7 dos Kings foi marcado pelo atropelo da equipe na casa dos Sharks por 5 a 1 e se classificar para a semifinal.

A semifinal contra o Anaheim Ducks foi marcada pelas trocas de liderança na série que começou com duas vitórias dos Kings, até que os Ducks conseguiram atropelar o time de Los Angeles em 3 jogos e ver o time ter que jogar muito bem para forçar o seu segundo Jogo 7 dos playoffs. Os Kings entraram em campo com a mesma vontade do que o último jogo contra os Sharks, e novamente na casa do adversário, os Kings venceram por 6 a 2 e se garantiram nas Finais do Oeste.

As Finais do Oeste marcaria o reencontro das equipes que fizeram a final da última temporada, o Chicago Blackhawks que é o atual vencedor da Stanley Cup receberia os Kings que estavam mais confiantes do que nunca.

O time da Califórnia abriu 3 a 1 na série mas viu os Blackhawks empatarem de forma espetacular e levar os Kings novamente a um Jogo 7 e fora de casa. Desta vez, quem começou de maneira agressiva foram os Blackhawks que fizeram dois gols e dominavam amplamente a partida, mas os Kings conseguiram empatar e na prorrogação marcaram o gol que sacramentasse a segunda final em três anos pela Stanley Cup.

Os Rangers tiveram a trajetória parecida com a dos Kings e se os Canadiens conseguisse uma vitória, o time de New York disputaria os mesmos 21 jogos que os rivais disputaram. O primeiro confronto da equipe foi contra o Philadelphia Flyers que conseguiu buscar o empate nas três vezes que os Rangers estavam a frente da série mas não seguraram os Rangers em New York e foram eliminados por 2 a 1 no Jogo 7.

A semifinal contra o Pittsburgh Penguins foi marcada pela dificuldade das equipes em vencer os jogos dentro de casa. Apenas os Penguins venceram em seus domínios mas no último e decisivo jogo, o time de Pittsburgh não jogou bem e viu os Rangers segurar muito bem o placar e vencer a sétie no Jogo 7 por 2 a 1. Os Rangers atingiam sua segunda Final de Conferência em três anos.

O New York Rangers enfrentaria o time mais tradicional da liga, o Montreal Canadiens. As Finais do Leste começaram com a equipe de New York jogando em alto nível e não dando chances aos Canadiens que perderam seus dois jogos em casa. A série chegou à casa dos Rangers e os Canadiens que conseguiram impôr seu jogo e diminuir a diferença para uma vitória. Após a vitória só acontecer para os visitantes, os Rangers conseguiram sua terceira vitória na série em casa e depois perderam para os Canadiens em Montreal.

O último jogo da série aconteceu em New York e os Rangers conseguiram se classificar para as Finais da Stanley Cup após 20 anos, deixando para trás todas as decepções que a equipe sofreu nos últimos anos.

O título da Conferência Leste conquistado pelos Rangers (Foto: Getty Images)

As Finais da Stanley Cup entre Los Angeles Kings e New York Rangers começam nesta quarta-feira (4) em Los Angeles. É a primeira vez que os dois times se enfrentam em Finais da NHL, fato raro já que a rivalidade entre as cidades de Los Angeles e New York é uma das maiores das Ligas Americanas.

VAVEL Logo