De saída do Orlândia, Jé se mostra consciente de novos desafios
Jé esteve em Araçatuba para a disputa do "Jogo das Estrelas" junto a outros companheiros de seleção brasileira (Foto: Felipe Ferreira/VAVEL Brasil)

Em Araçatuba, interior de São Paulo, onde disputou o "Jogo das Estrelas", partida promovida pela ABAFS (Associação Brasileira de Atletas de Futebol de Salão), junto a outros companheiros de seleção brasileira, o pivô que, recentemente anunciou sua transferência da Intelli/Orlândia, para o Kirat, equipe do Cazaquistão, se mostrou empolgado com o novo rumo que sua carreira toma, contudo, se mostrou triste também por deixar o Brasil depois de uma passagem cercada de títulos, com destaque para o bicampeonato da Liga Futsal, junto a equipe intelliana.

"Graças a Deus, (a passagem pela Intelli/Orlândia) foi um sucesso com dois títulos (da Liga Futsal) consecutivos, algo que é muito difícil de conseguir, mas nós conseguimos. Só que é triste sair, porque é um ano importante para Intelli, já que é ano de Mundial. São coisas que fazem parte da vida, temos que sair para uma coisa melhor e isso está acontecendo para mim. É importante para minha carreira dar sequência e é importante estarmos bem, sempre prontos para a seleção também", comentou o pivô a respeito de tudo que construiu em Orlândia.

Embora, claramente, venha a tristeza em Jé depois de excelentes momentos vividos junto o Orlândia, o jogador, presença frequente nas convocações da seleção brasileira, se mostrou muito empolgado com a transferência para o Cazaquistão e, acima de tudo, ciente de toda a responsabilidade deste novo desafio.

"Irei com uma responsabilidade grande e estou indo sabendo disso, procurando ficar da melhor maneira possível fisicamente, porque a cobrança é alta, até por estrangeiro ser muito mais cobrado".

Atualmente com 30 anos, Jé, além dos dois títulos da Liga Futsal conquistados com o Orlândia nas duas últimas temporadas, sagrou-se campeão da competição nos anos de 2008 junto a Malwee/Jaraguá e em 2011 com o Santos. Pela seleção, participou da conquista do Mundial de 2012.

VAVEL Logo