Dirigentes oficializam a criação da Liga Nacional de Futsal
Os dirigentes se reuniram no dia de ontem em São Paulo (Foto: Gilberto Santos/Divulgação)

Em reunião realizada no dia de ontem, os dirigentes das equipes atualmente franqueadas na Liga Futsal oficializaram a criação da Liga Nacional de Futsal. Uma nova liga de futsal, que, como trunfo, tem o fato de ser independente a CBFS (Confederação Brasileira de Futebol de Salão), constituindo um grande avanço da modalidade no âmbito nacional dado às tantas denúncias de descaso da confenderação com a atual liga.

Outra vantagem que a Liga Nacional de Futsal trará aos clubes reside no fato de que, agora, eles terão toda a autonomia para selar contratos e negociar com patrocinadores, o que incentiva a manutenção de uma estabilidade financeira maior por parte deles, inclusive abrindo espaços para a realização de maiores investimentos.

Presidente da CBFS desde a renúncia de Aécio Borbas Vasconcellos em junho deste ano, Renan Tavares viu com bom olhos a fundação da nova liga.

"Torço para que a Liga cresça cada vez mais, até porque se trata da Liga mais importante do mundo, e com esta soma de esforços, a CBFS vem com uma nova forma de trabalho, buscando o apoio de todos, para buscarmos a administração desejada", opinou o mandatário da confederação.

Apesar da oficialização da fundação da nova liga, as vantagens e mudanças só tenderão a surtir efeito no próximo ano, porém a liga já conta com uma diretoria estabelecidade para já se ter a abertura para discutir os novos rumos do futsal no Brasil.

A diretoria da nova liga:

PRESIDENTES E VICES:
Presidente: Valdecir Kortmann (Joinville);
Vice-presidente: Cladir João Darivar (Atlântico Erechim)
Vice-presidente administrativo: Vilson Fragoso (Umbro)
Vice-presidente técnico: Roberto D’ Estefano
Vice-presidente jurídico: Fausto Bittar (Corinthians)
Vice-presidente de marketing: Rogério Candur (Poker)
DIRETORES:
Diretor financeiro: Laércio Graça (São Caetano)
Diretor administrativo: Edson Sesma (Corinthians)
Diretor de Comunicação: André (Green Team/DF)
Diretor de arbitragem: Daniel Pomeroy
Diretor de patrimônio: Vincenzo Spedicatto (Orlândia)
Diretor de marketing: Felipe Drummond (Sorocaba)
Diretor técnico: José Carlos dos Santos
DConselho fiscal (suplentes)
CONSELHO FISCAL:
Alexandre Gaspar (São Paulo/FIB)
Carlos Silva (Orlândia)
Kleber Rangel (Jaraguá)

VAVEL Logo