Vítor Belfort encara Chris Weidman valendo o cinturão dos médios no UFC 187
Foto: Editoria de arte/ VAVEL Brasil

Conhecida hoje como "Meca" do MMA, Las Vegas volta a receber mais um evento do UFC. O MGM Grand Garden Arena será casa do UFC 187, que contará com duas disputas de cinturão nos principais combates da noite: Anthony Johnson e Daniel Cormier pelos meio-pesados, e o brasileiro Vítor Belfort tentará tirar o cinturão dos médios que pertence a Chris Weidman. O card tem previsão de início às 19h.

Na co luta principal, Chris Weidman fará a terceira defesa de cinturão, e mais uma vez contra brasileiro. Vítor Belfort pode tornar-se o primeiro atleta a ser campeão na organização em três categorias diferentes.

Weidman está invicto na carreira, com doze vitórias e nenhum empate. Diante de Belfort, será o quinto combate na organização contra algum atleta do Brasil, já havia enfrentado antes Demian Maia, Anderson Silva por duas vezes e Lyoto Machida.

"The Phenom" não luta desde 2013, ano este em que nocauteou Michael Bisping, Luke Rockhold e Dan Henderson, todas elas no primeiro round.

Já o duelo principal da noite teve de ser modificado por motivos decepcionantes. Jon Jones defenderia seu título contra Johnson, mas depois de problemas jurídicos, o UFC afastou "Bones" e o destituiu do posto de campeão. Cormier teve de substituir o ex-campeão com menos de um mês pro duelo.

"Rumble" foi demitido do UFC em 2012, após seis combates, voltou a organização e venceu as três lutas dentro da nova "velha" casa: Phil Davis, Rogério Minotouro e Alexander Gustafsson não foram capazes de derrotar o atleta norte-americano.

Medalhista olímpico, "DC" vem de derrota para Jon Jones em janeiro deste ano. Porém, com a saída de Jones e a escassez de atletas com consecutivas vitórias convincentes, Cormier teve de ser escalado.

Durante a pesagem desta sexta, Cormeir e Johnson seguiram serenos para a encarada. Já Weidman e Belfort não pouparam momentos de tensão. "Esse cara ainda está trapaceando e eu vou fazê-lo pagar por isso", disse Chris em tom forte. Belfort preferiu a serenidade e apostou no sucesso deste sábado. "É um sonho. Estou abençoado de estar neste esporte e estou pronto para vencer amanhã", afirmou.

Na terceira luta do card principal, o americano peso-leve Donald Cerrone tentará emplacar a oitava vitória consecutiva contra o canadense John Makdessi. Fechando o card, Travis Browne pega Andrey Arlovski na categoria dos pesados e Joseph Benavidez vai tentar uma nova disputa de título dos moscas contra o também postulante John Moraga.

Além de Vítor, o Brasil será representado também pelo peso-médio Rafael Natal. Sapo vai enfrentar o jamaicano Uriah Hall.

Confira o card completo

CARD PRINCIPAL

Peso-meio-pesado (até 93kg): Daniel Cormier (93kg) x Anthony Johnson (92,8kg)

Peso-médio (até 83,9kg): Chris Weidman (83,9kg) x Vitor Belfort (83,5kg)

Peso-leve (até 70,8kg)*: Donald Cerrone (70,8kg) x John Makdessi (70,5kg)

Peso-pesado (até 120,7kg)*: Travis Browne (107,3kg) x Andrei Arlovski (109,3kg)

Peso-mosca (até 57,2kg)*: Joseph Benavidez (56,9kg) x John Moraga (57,2kg)

CARD PRELIMINAR

Peso-mosca (até 57,2kg)*: John Dodson (56,9kg) x Zach Makovsky (57,2kg)

Peso-meio-médio (até 77,6kg)*: Josh Burkman (77,3kg) x Dong Hyun Kim (77,3kg)

Peso-médio (até 84,4kg)*: Uriah Hall (84,4kg) x Rafael Sapo (84,1kg)

Peso-palha (até 52,6kg)*: Rose Namajunas (52,6kg) x Nina Ansaroff (54,4kg)**

Peso-meio-médio (até 77,6kg)*: Mike Pyle (77,6kg) x Colby Covington (77,3kg)

Peso-leve (até 70,8kg)*: Leo Kuntz (70,5kg) x Islam Makhachev (70,5kg)

Peso-mosca (até 57,2kg)*: Josh Sampo (57,2kg) x Justin Scoggins (57,2kg)

VAVEL Logo