Cem milhões garantidos e extensão, Aaron Rodgers seguirá em Green Bay
(Foto: Packers.com)

O dia foi agitado em Green Bay, se ainda restava dúvida de que Aaron Rodgers seguiria no time dos Packers ela foi sanada hoje. A extensão de contrato do franchise quarteback é de 134 milhões de dólares, sendo 100 milhões deles garantidos. Quem trouxe a notícia foi o insider da NFL, Ian Rapoport.

Ele ainda coloca que Rodgers receberá um total de 57 milhões de bônus de assinatura, além de ter um contrato que pode chegar até aos 180 milhões com todos os valores empregados. Cerca de 80 milhões de dólares serão disponibilizados para ele até março de 2019. Vale lembrar que a última renovação de Aaron estava chegando ao fim e alguns diziam que ele não iria permanecer em Green Bay nos próximos anos. Com isso Rodgers se torna o jogador mais bem pago na NFL, algo que era esperado.

+ Confira ofertas do nosso parceiro FutFanatics

Aaron Rodgers foi a primeira escolha geral do Packers no draft de 2005, escolhido em vigésimo quarto. Ganhou o prêmio de MVP nos anos de 2011 e 2014 e o anel de campeão do SuperBowl XLV. Além de tudo isso ele ainda possuí o melhor rating de quarteback em uma temporada 122,5.

Ao fim desse novo contrato, Rodgers estará com 40 anos. E ele já disse que pretende ser tão longínquo quanto seu companheiro de profissão, Tom Brady.

Brett Hundley foi parar em Seattle

Se as notícias são boas para o torcedor dos Packers, além de garantir seu franchise player por mais seis anos, no mínimo. Hoje pela manhã o time de Wisconsin acertou uma troca com o substituto de Rodgers na última temporada, Hundley em troca recebeu uma escolha de sexta rodada no draft da próxima temporada.

Hundley não substituiu tão bem Aaron na última temporada e logo no início dessa ainda viu as chances ficarem menores com a chegada de DeShone Kizer, envolvido na troca com o Safety/Cornerback Damarius Randall.

Brett Hundley não é mais jogador dos Packers (Foto: Packers)
VAVEL Logo