Aaron Rodgers dá volta por cima e Packers leva primeiro Sunday Night Football da temporada
Aaron Rodgers mostrando porque ele é de outro planeta (Reprodução:Packers/Twitter)

Aaron Rodgers dá volta por cima e Packers leva primeiro Sunday Night Football da temporada

Um gênio as vezes nem precisa de duas pernas saudáveis para vencer uma partida. Foi o que Aaron Rodgers mostrou ao mundo neste domingo. Uma noite que jamais será esquecida por ele e pelos torcedores da franquia de Winsconsin.

augusto-edinger
Augusto Edinger

O quarterback deixou o segundo quarto da partida com uma lesão no joelho esquerdo, o mesmo que já havia passado por uma cirurgia, que parecia até ameaçar a sequência de sua temporada. Então a velha história, porque não poupar ele não é mesmo? Ou então, poupe, perder seu principal jogador pelo resto da temporada é pior que somente em um jogo, ele voltou e o Packers deu a volta por cima em um dos jogos mais incríveis que a NFL já presenciou.

Chegando ao fundo do poço

O time de Green Bay não começou bem o jogo, a defesa de Chicago teve uma noite de estreia que nunca deverá ser esquecida por parte de Khalil Mack. Teve fumble forçado, recuperado e touchdown anotado. Para piorar o time chegava com zerado no intervalo da partida e com uma grande questão em torno de Aaron Rodgers, sem saber se ele voltava ou não para partida.

O primeiro tempo dos sonhos para a torcida de Chicago, que viu o segundo anista conectando o recém chegado Allen Robinson com facilidade, utilizando a velocidade e explosão de Taylor Gabriel e usando e abusando do jogo corrido com Howard e Cohen, que apoiou demais o jogo aéreo também.

Na defesa, o ataque de Green Bay não conseguia produzir absolutamente nada e o pior se esperava, a linha ofensiva não conseguia conter os avanços de Khalil MackDanny Trevathan, Leonard Floyd e companhia. O resultado final disso foi ir para o vestiário no intervalo perdendo de vinte à zero.

+ Confira as ofertas de nosso parceiro FutFanatics

Do fundo do poço ao topo da montanha

Os Packers voltaram dos vestiários com a notícia de que Aaron Rodgers continuaria no jogo mesmo "sem uma perna" e o cenário mudou totalmente. A defesa do Packers que havia sofrido vinte pontos no primeiro tempo, sofreu apenas três nos últimos dois quartos Mitchell Trubisky usou e abusou de seus running backs, mas foi parado de forma impetuosa em três jogadas por mais de uma vez.

A lição que muitos viram hoje é, se você tem uma pinga de dúvida em cima de Aaron Rodgers, não a tenha. Foram vinte passes completados de trinta tentados para 286 jardas e três touchdowns e o mais incrível disso tudo? Sem mobilidade total, quase sem uma perna mesmo. Randall Cobb fez uma partida gigante, assim como Davante Adams e Geronimo Allison. A linha ofensiva do Packers na segunda etapa teve uma atuação impressionante e o Bears sucumbiu a atmosfera do Lambeau Leapers. Vitória do Packers, 24-23 em casa e na estreia da temporada cem.

Os Packers agora voltam a campo no próximo domingo para enfrentar o Minnesota Vikings, de novo no Lambeau Field. Já os Bears só entram em campo na segunda-feira, quando recebem o Seattle Seahawks.

VAVEL Logo

    Futebol Americano Notícias

    há 4 dias
    há 5 dias
    há 7 dias
    há 8 dias
    há 9 dias
    há 12 dias
    há 13 dias
    há 14 dias
    há 14 dias
    há 15 dias