Ex-número 1 do ranking, golfista Rory McIlroy desiste de participar dos Jogos Olímpicos

Atleta que representaria a Irlanda confirmou ausência no Rio para o mês de agosto por medo do zika vírus

Ex-número 1 do ranking, golfista Rory McIlroy desiste de participar dos Jogos Olímpicos
McIlroy é mais um golfista fora das Olimpíadas. Foto: Rob Carr/Getty Images

Após 112 anos fora do programa olímpico, em 2016 o golfe voltará aos jogos aqui no Rio de Janeiro. Porém, não serão todos os golfistas de ponta no mundo que virão ao Brasil representar suas nações. Nesta quarta-feira (22), o norte-irlandês Rory McIlroy, ex-número um do mundo pelo ranking oficial e atualmente em quarto lugar, afirmou pelas redes sociais sua ausência dos Jogos Olímpicos.

Em sua conta, McIlroy afirmou o porquê de sua decisão em não vir ao Brasil por consequências do zika vírus, relatando que sua esposa tem intenção de engravidar nos próximos meses. "Depois de conversar com pessoas próximas a mim, percebi que minha saúde e a da minha família estão acima dos Jogos do Rio devido às preocupações com o vírus da zika. Mesmo que o risco seja considerado baixo não deixa de ser um risco e eu não quero assumi-lo. Acredito que o povo irlandês vai entender minha decisão.", considerou.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) concluiu na semana passada que os jogos não precisarão ser adiados ou cancelados pelo zika vírus. O norte-irlandês fez questão de relatar que não quer desapontar seus fãs. "Vou continuar a me esforçar para fazer meus fãs e os fãs do golfe orgulhosos do meu golfe e das minhas ações fora do esporte".

O comitê olímpico da Irlanda mostrou desapontamento da decisão de McIlroy mas informou que apoia o golfista. "O COI e nossa equipe médica tomaram providências em relação à zika, assim como fazemos em relação a todos os assuntos. Estamos seguindo as recomendações do COI, assim como a do Comitê Organizador, a Organização Mundial da Saúde e as autoridades nacionais de saúde para assegurar que os atletas da Irlanda serão mantidos atualizados com os mais recentes e melhores conselhos e que estão equipados para tomar todas as precauções necessárias."

McIlroy não é o primeiro entre os melhores do mundo a informar da ausência nas olimpíadas do Rio de Janeiro, seja por medo do vírus ou por outros motivos. O australianos Adam Scott e Marc Leishman, o fijiano Vijay Singh e os sul-africanos Louis Oosthuizen e Charl Schwartzel não estarão no Brasil entre os dias 5 e 21 de agosto. Porém, o número 2 do mundo, o americano Jordan Spieth está confirmado nos jogos. O líder mundial, Jason Day, natural da Austrália, ainda não confirmou se participará.

Não estando em boa fase, Rory McIlroy vem de péssimo desempenho no US Open de golfe, um dos majors (principais competições) da temporada, não conseguindo passar do corte essencial no sábado (18), assim, sem, chances de disputar o título na última volta do domingo (19).