Venezuelano Jhonattan Vegas supera favoritos e vence Canadian Open de golfe

Realizado em Ontário no último fim de semana, torneio foi o segundo vencido dentro de duas semanas pelo sulamericano; Bjork vence Challenge de Le Vaudreuil na França

Venezuelano Jhonattan Vegas supera favoritos e vence Canadian Open de golfe
Foto: Vaughn Ridley/Getty Images

Antes do PGA Championship de golfe, último major do ano ter início nesta semana a partir de quinta-feira (28), o mundo do golfe virou as atenções para o aberto do Canadá. O RBC Canadien Open, do circuito PGA aconteceu entre os dias 21 e 24 deste mês. Para surpresa de muitos, o venezuelano Jhonatthan Vegas saiu vitorioso do aberto, levando o segundo campeonato em duas semanas, quando no dia 17 sacramentou o título do Barbasol Championship, nos Estados Unidos. Vegas pulou para a 86° colocação no ranking mundial.

Com nomes importantes do ranking disputando o torneio, como o líder e vice-líder Jason Day e Dustin Johnson e mais outros renomados como Matt Kuchar (17°), Brandt Snedeker (21°) e Jim Furyk (22°), Vegas conseguiu ser o único com 12 tacadas abaixo do par do campo. Dustin Johnson dividiu o segundo lugar com o espanhol John Rahm e o escocês Martin Laird, ambos com onze tacadas abaixo. Fechando com menos dez tacadas do par, Ricky Barnes (EUA), Alex Cejka (ALE), Steve Wheatcroft (EUA) e Snedeker. Day ficou apenas em 17° lugar, com sete tacadas abaixo do par.

Jhonatthan representará a Venezuela nos Jogos Olímpicos Rio 2016 e vira nome considerável para o torneio de golfe na capital fluminense, que ocorre entre os dias 11 e 14 de agosto. Antes dos Jogos, os golfistas de elite estarão em Nova Jérsei para o PGA Championship, o último major (quatro torneios principais da temporada de golfe) da temporada. Day defenderá seu título conquistado em 2015.

Alexander Bjork mantém regularidade e vence Challenge europeu

No mesmo período do fim de semana, paralelo ao aberto do Canadá, aconteceu o Challenge Le Vaudreuil de golfe na França, em torneio organizado pelo European Tour. Sem atletas de elite e bem colocados no ranking, o sueco Alexander Bjork, que está apenas na posição 251 do ranking e que liderou desde o segundo dia, faturou o título no território francês com 14 tacadas de diferença do par do campo. O australiano Nick Curren e o inglês Aaron Ray ficaram logo atrás, com treze tacadas abaixo.

Foto: Divulgação/European Tour