Canoagem: Isaquias e Erlon se classificam em primeiro para a final da C2 em 1.000 metros

Os brasileiros venceram a primeira bateria com o tempo de 3min33seg269 e nem precisaram disputar a semi, se classificando direto para a final

Canoagem: Isaquias e Erlon se classificam em primeiro para a final da C2 em 1.000 metros
Canoagem: Isaquias e Erlon se classificam em 1° para a final da prova de canoa dupla em 1.000 metros

Isaquias Queiroz segue com tudo nos Jogos Olímpicos Rio 2016. Após conquistar uma prata nos 1.000 e um bronze nos 100, agora o baiano segue na disputa por medalha na canoa dupla em 1.000 metros.

Nessa sexta-feira (19), Isaquias que faz dupla com Erlon de Souza Silva, venceram a primeira bateria de classificação, na Lagoa Rodrigo de Freitas, pela manhã, com o tempo de 3min33seg269 e se classificaram antecipadamente para a final.

A dupla alemã Sebastian Brenden e Jan Vandrey, rivais diretos dos brasileiros, venceram a segunda bateria com o tempo de 3min33seg482, e também garantiram um lugar na grande final.

Vale lembrar que Isaquias Queiroz e Erlon de Souza Silva são os atuais campeões mundiais da canoa dupla nos 1.000m. A grande final do C2 1000m acontece neste sábado por volta das 9h da manhã.

O baiano de 22 anos comentou seus desejos após as competições, mas antes quer muito o ouro na C2  com o parceiro Erlon.

"Como seria bom ir para a Bahia descansar, mas agora que já fiz o meu trabalho e já ganhei minhas medalhas quero ir para cima para fazer meu amigo Erlon de Souza também fazer história com o nome dele nos Jogos Olímpicos e ganhar medalha, e ganhar a medalha de ouro que a gente merece", afirmou Isaquias.

Federação mantém medalha de atleta da Moldávia 

A Federação Internacional de Canoagem (ICF) emitiu um comunicado confirmando a medalha de bronze para Serghei Tarnovschi, de 19 anos, da Moldávia, após o atleta ser flagrado no antidoping.

O Comissão Disciplinar do COI, tinha optado por anular o resultado de Tarnovschi na final da C1 1000m, dando a medalha de bronze ao russo Ilia Shtokalov, quarto colocado. Porém a Federação Internacional de Canoagem entende que os resultados devem ser mantidos até todos resultados serem concluídos, incluindo apelações e audiência com o atleta.