Cerimônia de Encerramento dos Jogos Paralímpicos Rio 2016

Cerimônia de Encerramento dos Jogos Paralímpicos Rio 2016
Cerimônia de Encerramento dos Jogos Paralímpicos Rio 2016

Te esperamos na próxima transmissão. Um grande abraço e até lá!

Desejamos uma ótima noite e uma grande semana ao amigo leitor. Fique no site para ficar bem informado sobre o mundo dos esportes.

Vamos fechando aqui mais uma transmissão especial. Sempre parabenizando o espetáculo que foi essa edição paralímpica. Não há limites para o ser-humano e que fique a lição.

Obrigado, Olimpíada. Obrigado, Paralimpíada. Que vocês mudem o Brasil, mudem a alma, a educação, o futuro desse povo que tanto sofre, mas que é muito feliz.

O Brasil vai dando adeus ao seu momento maior de organização dos eventos. 2014 com a Copa do Mundo. 2016 com Olimpíada e Paralimpíada.

Ivete e Tom, o mascote, no centro do palco. É o momento final da Rio 2016.

Fogos, animação, a chuva pra lavar a alma e deixar tudo renovado para mais um ciclo que se aproxima.

Amor. É a palavra idolatrada por todos. Em todos os idiomas. Tempo de amor no Rio de Janeiro.

Pra levantar poeira no Maracanã! Ivete na festa de despedida dos Jogo Paralímpicos!

Ivete segue comandando a festa no Maracanã!

O vento apaga o fogo paralímpico. O fim se aproxima!

Ivete Sangalo entra no Maracanã ovacionada pela arquibancada!

E está chegando o momento de apagar a Pira Paralímpica.

Maracanã iluminado por lanternas para a continuação da sessão musical. 

Ismailove de Gabi Amarantos. Sucessos neste momento musical!

Agora temos um mix de vários funks antigos no Maracanã!

Nego do Borel canta no Maracanã. O agito pra galera!

O forró de Falamansa na voz de Saulo balança a turma!

A chuva não muda a animação da galera!

Mais show. Novamente Saulo.

Discurso do presidente do comitê internacional emociona e tem até falas em português!

Uma homenagem ao ciclista iraniano morto acontece neste momento.

A chuva começa a cair no Rio de Janeiro.

Momento de falas de Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, e do presidente do do Comitê Paralímpico Internacional.

Uma banda japonesa com deficientes faz uma apresentação com música eletrônica de fundo.

Akira Hihama, artista plástico e deficiente visual faz uma apresentação.

"Mudança Positiva" é o lema dos Jogos Paralímpicos 2020.

Um vídeo com os primeiros atletas japoneses vencedores das competições paralímpicas é apresentado. 

Hino Nacional do Japão é executado.

O prefeito Eduardo paes passa a bandeira Paralímpica para o presidente do Comtê Paralímpico Internacional, que repassa à governadora de Tóquio, próximo palco dos Jogos.

Neste momento é hasteada a bandeira da Paralimpíada.

Saulo comanda a festa com One Love de Bob Marley.

Representantes dos atletas entregam flores para alguns dos voluntários como símbolo da força deles para organizar o evento.

Cartolas de comitês paralímpicos e membros de patrocinadores premiam atletas destaques dos times independentes.

Após sessão de shows, um vídeo com alguns destaques dessa edição foi mostrada.

Céu deixa sua parte na festa. 

Interação bacana entre atletas e torcida!

A festa é grande no Maracanã! Vanessa canta seu maior sucesso e a galera vai junto!

Vez de Vanessa da Mata, interpetrando Clara Nunes.

Segue Nação Zumbi. Agora com Mangue Beat. Fauna e flora sendo explorados.

Maracatu Atômico de Chico Science e Nação Zumbi faz a festa no Maraca.

Todas as bandeiras postas. Público aplaude os atletas.

E o presidente do Brasil, Michel Temer, não está presente no Maracanã.

Ricardinho é quem carrega a bandeira brasileira. Os atletas estão posicionados já de frente ao palco.

As bandeiras de todos os países são chamadas para fazer parte da festa.

Saulo Laucas interpretará o Hino Nacional Brasileiro.

Bombeiros carregam a bandeira brasileira para ser hasteada no Maracanã.

Armandinho e Andreas Kisser tocam no palco. O rock dominando!

A voz do Google dá boas-vindas à festa de encerramento.

Gaby Amarantos no palco para cantar. A festa começou!

Um vídeo com músicos é apresentado. O assunto é ideias malucas que rompem as barreiras do impossível.

Contagem regressiva e começou a cerimônia de encerramento.

Daniel Dias e Clodoaldo Silva provavelmente fizeram a última competição de suas carreiras. Nadadores devem se aposentar após essa edição.

Mesmo não ficando dentro da meta da direção brasileira, a oitava posição trouxe mais de 70 medalhas.

Essa foi a melhor Paralimpíada da história. Não só em termos de festa e estrutura, mas também da parte de conquistas brasileiras.

No meio do campo, a Pira faz a sua parte, deixando ainda mais bela a festa de encerramento.

O público chega e se nota um Maracanã lindo! Colorido, iluminado e pronto para a festa!

Falta pouco para grande Cerimônia de Encerramento. Enquanto o público espera por 19h30, um pré-show vai rolando no gramado do Maracanã para os que já chegaram.

Se a cerimônia de abertura fez uma ode à inclusão, o encerramento da Paralimpíada do Rio promete celebrar em grande estilo o sucesso do evento. Após 11 dias de competições, o Maracanã marcará a despedida dos atletas ao som de muita música, neste domingo, a partir das 20h. A longa lista de atrações tem como destaque a cantora Ivete Sangalo, embaixadora do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), que estrelará um dueto inédito com o britânico Calum Scott.  

A música, composta por Cesar Lemos e Nelson Motta, foi batizada de “Transformar”. A letra  traz uma mensagem de coragem e inspiração, hora cantada em português, hora cantada em inglês.

"Uma das maiores alegrias da minha vida é poder cantar no encerramento das Paralimpíadas. Pela importância do esporte, de estar junto de atletas tão cheios de garra, que são excelentes exemplos para todos", disse Ivete.

A cantora baiana encabeça uma lista de cantores e instrumentistas que mostrará a diversidade do repertório brasileiro, do brega ao rock. Nela estão Gaby Amarantos, Armandinho, Vanessa da Matta, Céu, Nação Zumbi, Andreas Kisser, Saulo Fernandes, Saulo Lucas, Dream Team do Passinho, Nego do Borel e Jonathan Bastos.

"Claro que vamos celebrar com a nossa música. Será uma cerimônia muito musical, a música será a parte principal da cerimônia. Do começo ao fim, teremos muitos músicos brasileiros no palco", disse o produtor executivo de cerimônias do Comitê Organizador Rio 2016, Flávio Machado.

Uma fatalidade ocorrida neste sábado deve fazer um contraponto à animação prevista para a festa. Morto após um acidente durante a disputa do ciclismo de estrada, o iraniano Bahman Golbarnezhad será homenageado no estádio com um minuto de silêncio.  

Para quem quiser assistir ao espetáculo ao vivo, ainda há cerca de mil ingressos à venda. Os bilhetes, no entanto, são justamente os mais caros, da chamada categoria A. Para compra-los, será preciso desembolsar nada menos que R$ 1000.

Seja bem-vindo, torcedor! Acompanhe a Cerimônia de Encerramento dos Jogos Paralímpicos Rio 2016! Fique conosco!