“Meu Tricolor de Aço” estreia hoje e conta a história centenária do Fortaleza
(Foto: Divulgação/ Fortaleza EC)

“Meu Tricolor de Aço” estreia hoje e conta a história centenária do Fortaleza

Longa-metragem será exibido em várias salas de cinema do estado do Ceará e em São Paulo

zeca5
Zeca Lemos

Uma paixão de milhões de pessoas chega às telas de cinema de todo o estado do Ceará e de São Paulo: é o filme “Meu Tricolor de Aço”, que conta a história dos 100 anos do Fortaleza Esporte Clube. O longa-metragem, de 72 minutos, foi idealizado pelo ex-presidente do clube Luís Eduardo Girão, e retrata a trajetória do time desde quando foi fundado, em 1918, pelo desportista Alcides Santos. Os produtores do filme entregaram a missão aos renomados cineastas Glauber Filho, Valdo Siqueira e Tibico Brasil. A produção e distribuição é da Estação Luz Filmes.

Quem realizou o filme

A equipe foi escolhida de maneira criteriosa, uma vez que os diretores são todos torcedores do Leão e sempre que possível, estão nas arquibancadas, incentivando a equipe, com suas vozes e talentos. Glauber Filho tem muita experiência na cinematografia espírita, tendo dirigido filmes importantes deste gênero. Valdo Siqueira é o realizador do filme e sua especialidade são os documentários. Tibico Brasil é fotógrafo e realizador audiovisual. É também roteirista e diretor de documentários sobre meio-ambiente, cultura e esportes. Atuou por 20 anos como gestor nas áreas de comunicação, cultura e marketing do Banco do Nordeste e foi presidente da TV Ceará (TVC).

Sobre a produção

O Fortaleza foi fundado no dia 18 de outubro de 1918 e completou seu centenário neste ano. O filme traz um roteiro que conta a história do clube a partir de estudos e entrevistas. Um ponto de partida para entender essa trajetória é o surgimento do Stella Foot-Ball Club, um dos primeiros clubes de futebol cearense, em 1912. Com o fechamento da instituição, seus integrantes seguiram e criaram o Tricolor. Alcides Santos, comerciante e desportista, foi o primeiro presidente do clube e hoje dá nome ao estádio do Fortaleza.

Os diretores também reforçam a importância do longa-metragem enquanto registro histórico e patrimônio cultural do cinema e do esporte do estado - principalmente pelo fato de que ele está sendo lançado no ano em que o Fortaleza completa 100 anos e garante seu retorno à Série A do Campeonato Brasileiro com título inédito. Imagens de arquivos audiovisuais, fotografias e matérias jornalísticas também compõem a produção de "Meu Tricolor de Aço". O documentário terá duração de 72 min.

MEDIA: 5VOTES: 1
VAVEL Logo