Separação de componentes no motor da Mercedes pode explicar a sua superioridade
Segredo da Mercedes é comparado ao difusor duplo, banido da F1. (Foto: Mercedes AMG F1/Twitter)

Parece que o segredo por trás do absoluto domínio da Mercedes em 2014 foi revelado, e está na unidade de força alemã, mais especificamente na distribuição das suas peças.

O que explicaria o desempenho do motor Mercedes, segundo o analista técnico Mark Hughes, é que o compressor de ar e a turbina estão em lados opostos da unidade de força, ligados por uma barra, o que melhora a eficiência do turbo fazendo com que ele trabalhe com menos força vinda do ERS, garantindo maior performance e economia de combustível.

Hughes ainda falou para a emissora Sky: "Nós estamos falando do difusor duplo de 2014, com a diferença de que você não pode copiá-lo este ano", isto por causa do congelamento do regulamento e também por ser algo aplicado a arquitetura do motor, diferente do referido difusor que foi banido da Fórmula 1 há alguns anos.

Apesar do fato de que as outras equipes que usam a mesma unidade Mercedes tenham este benefício, a equipe de fábrica está bem mais a frente em termos de aplicação do referido recurso, pois as equipes clientes só souberam disso na hora da entrega dos motores.

 

GR

VAVEL Logo