Em classificação polêmica, Nico Rosberg supera Hamilton e fatura a pole em Mônaco
Cordialidade entre pilotos da Mercedes pode ter chegado ao fim (Foto: Motorsports.com)

A rivalidade entre Nico Rosberg e Lewis Hamilton vem criado situações em que mesmo aonde não teria uma disputa, acaba gerando muita polêmica. Durante o treino classificatório para o GP de Mônaco, na manhã deste sábado (24), mostrou que o desempenho da equipe Mercedes está longe de ser superado.

Faltando poucos minutos para o encerramento do treino Rosberg acabou indiretamente prejudicando seu companheiro de equipe, já que perdeu o controle do seu Mercedes na curva Mirabeau. Hamilton que vinha com reais chances de superar o tempo de sem companheiro teve que abortar a volta, o que acabou gerando insinuações sobre o comportamento de Nico.

Para Hamilton o episódio não foi um mero acaso. "Eu nunca vi isso acontecer antes. Eu estava na pole”, disse o britânico, sua linguagem corporal fala muito mais do que suas palavras. "Eu estava um par de décimos. Mas está tudo bem." Ironiza.

Episódio semelhante ocorrem em 2006, quando Michael Schumacher parou de forma delibera no meio da pista, ocasionando a interrupção do treino. Na época o piloto foi punido e teve que largar na última posição do grid. O ato de Rosberg também está sob investigação.

Com 1:15.989, Rosberg supera Hamilton por míseros 0,059 segundos. Em terceiro Daniel Ricciardo da RBR, seguido por Sebastien Vettel e Fernando Alonso, completam as 5 primeiras posições do grid. Para o brasileiro Felipe Massa a classificação não foi uma das melhores já que foi atingido, ainda no Q1 por Marcus Ericsson e sua Caterham, que acabou “atropelando” o brasileiro que não conseguiu levar o carro para os boxes. Seu companheiro Valtteri Bottas vai largar na 13º posição. Abaixo os tempos e a formação do grid para o GP de Mônaco.

Confira o grid de largada para o GP de Mônaco:

1) Nico Rosberg  (ALE/Mercedes) 1m15s989        
2) Lewis Hamilton  (ING/Mercedes) 1m16s048  +0s059
3) Daniel Ricciardo (AUS/RBR-Renault) 1m16s384  +0s395
4) Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) 1m16s547  +0s558
5) Fernando Alonso (ESP/Ferrari) 1m16s686  +0s697
6) Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) 1m17s389  +1s400
7) Jean-Eric Vergne (FRA/STR-Renault)  1m17s540  +1s551
8) Kevin Magnussen (DIN/McLaren-Mercedes) 1m17s555  +1s566
9) Daniil Kvyat (RUS/STR-Renault) 1m18s090  +2s101
10) Sergio Pérez (MEX/Force India-Mercedes) 1m18s327  +2s338

Eliminados no Q2:
11) Nico Hulkenberg (ALE/Force India-Mercedes) 1m17s846  +1s492
12) Jenson Button  (ING/McLaren-Mercedes) 1m17s988  +1s634
13) Valtteri Bottas (FIN/Williams-Renault)  1m18s082  +1s728
14) Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) 1m18s196  +1s842
15) Pastor Maldonado (VEN/Lotus-Renault) 1m18s356  +2s002
16) Felipe Massa (BRA/Williams-Renault) sem tempo                    

Eliminados no Q1:  
17) Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber-Ferrari) 1m18s741  +1s184
18) Adrian Sutil (ALE/Sauber-Ferrari)  1m18s745  +1s188
19) Jules Bianchi (FRA/Marussia-Cosworth) 1m19s332  +1s775
20) Max Chilton (FRA/Marussia-Cosworth) 1m19s928  +2s371
21) Kamui Kobayashi (JAP/Caterham-Renault) 1m20s133  +2s576
22) Marcus Ericsson (SUE/Caterham-Renault) 1m21s732  +4s175

VAVEL Logo