GP do Canadá renova contrato com a Fórmula 1 até 2024
Corrida no tradicional circuito teve seu contrato renovado com a Fórmula 1 (Foto: Divulgação/FIA)

O circuito Gilles Vileneuve renovou seu contrato por mais dez anos com a Fórmula 1. Como parte do acordo, o circuito passará por algumas reformas como um novo paddock e mais algumas atualizações. O acordo garante também duas corridas na América do Norte até 2022, ano em que termina o contrato com o GP dos Estados Unidos.

O GP do Canadá chegou a estar em risco, já que Bernie Ecclestone não andava com muita vontade de ceder no valor dos contratos e chegou a especular algumas alternativas na América do Norte, como México e Long Beach, na Califórnia.

Após a etapa canadense, Nico Rosberg afirmou: "É ótimo porque Montreal é uma das melhores corridas do ano", seu companheiro de equipe, Lewis Hamilton, que tem três vitórias na pista, falou que "É uma das melhores corridas do ano, os fãs são incríveis, que a atmosfera e a cidade são incríveis."

A corrida em Montreal é uma das corridas mais populares do calendário da F1. O acordo foi assinado por 11,3 milhões de euros anuais, um valor bem abaixo do que pagam, por exemplo, os asiáticos do Japão, Abu-Dhabi, Bahrein, China e Coreia do Sul.

A primeira corrida realizada no Circuito Gilles Villeneuve foi em 1978 e foi vencida pelo próprio Gilles Villeneuve. O Brasil tem cinco vitórias na pista: três com Nelson Piquet, em 1982,1984 e 1991; e duas com Ayrton Senna, em 1988 e 1989. O maior vencedor é o alemão Michael Schumacher, com sete vitórias.

VAVEL Logo