Lotus realiza primeiros testes com novo LMP1
Apenas duas equipes competem na LMP1-L destinada a modelos não híbridos, Lotus e Rebellion Racing (Foto: Divulgação Lotus)

Os primeiros testes com o novo Lotus LMP1, desde a sua apresentação em Le Mans, foram realizados no mais absoluto sucesso. Batizado de P1/01 o carro percorreu cerca de 100 km em um aeródromo na Alemanha com Thomas Holzer ao volante.

A equipe vai realizar até a próxima etapa do Mundial de Endurance que acontece no circuito de Austin nos EUA entre os dias 19 e 20 de Setembro, uma extensa bateria de testes. O novo Lotus é o segundo carro que fará parte da classe LMP1-L que tem apenas a Rebellion Racing participando até então.

StarWorks Motorsports planeja competir com Mercedes SLS GT3 no TUSC

Sempre envolvida com protótipos, a StarWorks Motorsports está avaliando a possibilidade de competir com um Mercedes SLS AMG GT3 na classe GTD do TUSC, como apurou o portal sportcar365.com

Atualmente a equipe compete na classe PC, porém com uma possível mudança em um futuro próximo para os LMP3, a possibilidade de dirigir o carro alemão não está descartada. Tal parceria seria feita com Mirco Schultlis proprietário do carro.

"Estamos à espera para saber o que vai acontecer com a classe PC para o próximo ano. Nosso plano de backup é talvez trazer um SLS para cá ", disse Peter Baron, dono da equipe ao Sportscar365.

O carro já competiu nas 12 horas de Zandvoort e vai passar por uma avaliação para ver se é viável realizar as alterações para os padrões da IMSA. "Nós já estamos em contato com a IMSA sobre o que temos de mudar no carro", disse Schultis. "O problema, como sempre, é quem paga por isso? Não é como tirar o ABS e controle de tração. Você precisaria de uma nova ECU completa, porque está tudo regulamentado em um sistema. Ainda estamos em negociações. Tudo é muito aberto. Não houve conversas profundas até agora. Peter falou com os caras IMSA".

É de conhecimento que uma nova versão do SLS está em desenvolvimento, e não é de conhecimento que a Mercedes estaria disposta a desenvolver kits específicos para os EUA, já que a IMSA tem seus regulamentos próprios.

VAVEL Logo