Rosberg abandona, Hamilton vence em Cingapura e assume liderança
Hamilton tem três pontos de vantagem para Rosberg (Foto Motorsport)

Neste domingo (21), no GP de Cingapura, o inglês Lewis Hamilton conquistou a segunda vitória consecutiva e aproveitando os problemas de seu companheiro de Mercedes, Nico Rosberg, assumiu a liderança do campeonato. Sebastian Vettel e Daniel Ricciardo, ambos da Red Bull, completaram o pódio.

Depois de Hamilton sofrer com vários problemas durante a temporada, parece que a maré de azar passou para Nico Rosberg, e neste domingo (22) deu tudo errado para o alemão que abandonou a corrida com problemas mecânicos e elétricos. Essa é somente a segunda vez na temporada que Hamilton assume a liderança do campeonato, a outra vez tinha sido depois do GP da Espanha. 

Logo na largada a surpresa, Rosberg ficou parado na largada, a Mercedes não conseguiu resolver o problema na pista, assim o alemão precisou largar dos boxes. E ainda na volta de aquecimento Kobayashi teve um problema de aquecimento de motor e abandonou.

Na largada, Hamilton se manteve na liderança, enquanto Vettel ultrapassou Ricciardo, e Alonso passeou na área de escape e ganhou as posições de Vettel e Ricciardo, porém Alonso só devolveu a posição para Vettel. Enquanto lá atrás Rosberg tinha problemas com as marchas e brigava contra os carros da Caterham e Marussia.

Em 10 voltas, Rosberg ainda estava na décima nona posição e não conseguia atacar a Caterham de Marcus Ericsson. Já na volta 14 Hamilton foi fazer seu pit-stop novamente colocou o pneu super macio, na volta seguinte foi a vez de Rosberg, que com problemas não conseguia nem colocar o carro em ponto morto, assim o Alemão abandonou a corrida.

E na volta 23 começou a segunda rodada de pit-stops Massa parou primeiro colocando os pneus macios. Na estratégia Vettel parou primeiro que Alonso, o Espanhol assumiu a terceira posição. Enquanto Hamilton fez uma parada mais lenta porque a Mercedes limpava a asa dianteira do carro.

Pérez passou por um susto na volta 31, a frente do carro se soltou depois de um toque que recebeu de Sutil. E como sempre acontece em Cingapura o Safety-Car foi acionado.

Antes do Safety-Car entrar Alonso fez sua parada tirando o super macios e colocando os macios, voltando para a quarta posição. A Mercedes e a Red Bull optaram por deixar seus pilotos na pista.

Na volta 38 a relargada aconteceu e Hamilton com super macios sabia que teria de parar mais uma vez, e já tratou de abrir vantagem. Alonso com pneus novos começou a atacar Ricciardo, enquanto Vettel não conseguia acompanhar Hamilton e na volta 45 já tinha mais de 17 segundos de vantagem.
Felipe Massa fazia uma corrida solitária na quinta posição. Enquanto isso Bottas começou a sofrer forte pressão de Button enquanto o Britânico era pressionado por Raikkonen, tudo isso na briga pela sexta posição. Na volta 52 Hamilton fez seu pit-stop, os pneus duraram bravamente 27 voltas, Hamilton voltou em segundo atrás de Vettel.

E na volta 54 o piloto da Mercedes ultrapassa Vettel, o Alemão ainda segurou seu companheiro de equipe que vinha mais rápido no fim da prova, Alonso também ameaçou Ricciardo, mas ficou nisso.

Ainda na briga pela sexta posição Button teve um apagão na sua McLaren, mas ele conseguiu estacionar no carro e evitou a entrada do carro de segurança e Bottas com problemas no carro e um pneu furado caiu para a décima primeira posição.   

Hamilton vence com 13.5 de vantagem para Vettel e Ricciardo fecha o pódio. Destaque para Vergne que foi punido duas vezes durante a corrida e acabou na sexta posição.

Com a vitória Hamilton é o novo líder do campeonato com 241 pontos contra 238 de Rosberg.             

Veja o resultado da corrida Aqui.

VAVEL Logo