Dinamarquês Kevin Magnussen elogia Porsche 919: “É o carro mais avançado do mundo”
(Foto: Porsche AG)

A Porsche concluiu uma extensa bateria de testes com três jovens pilotos no circuito da Catalunha na Espanha entre terça e quarta. Mitch Evans, Kevin Magnussen e Oliver Turvey testaram o 919 Hybrid sob a supervisão de Timo Bernhard líder da classe de pilotos o WEC.

Para Andreas Deidl diretor do programa LMP1 a busca por novos pilotos é um constante da marca.“Somos uma equipe jovem com um carro de corrida de alta complexidade. Para nós é sempre emocionante e informativo quando os pilotos compartilham suas primeiras experiências com o 919 Hybrid. O feedback é muito detalhada e individual. Nós fazemos uma varredura regularmente em diversas categorias do automobilismo para escolher novos nomes para a família Porsche. Estamos realmente satisfeitos com nosso programa de testes que levou estes três pilotos para Barcelona. Antes disso, eles visitaram Weissach em outubro, para se preparar para isso “.

Os três pilotos, além de passarem pela modelagem dos seus assentos, também tiveram a oportunidade de testar o simulador. “Todos os envolvidos nestes testes irão se beneficiar muito da nossa estrutura.” Mesmo com os testes o diretor foi enfático em dizer que por agora não é esperando a revelação de nenhum nome. “Não temos anúncios planejados, especialmente porque nós estamos muito felizes com nossos pilotos.”

Mitch Evans está atualmente em sua terceira temporada na GP2. Com quatro corridas ainda pela frente, ele é o sexto no campeonato. Em 2015 ele também fez a sua estreia nas 24 horas de Le Mans terminando em segundo na classe LMP2. “É uma grande oportunidade para testar o 919 Hybrid. Ele é muito bom para dirigir. Algumas coisas são completamente novas para mim. Eu não estou acostumado com direção hidráulica. A tração nas quatro rodas também é uma novidade. O carro é muito estável e dá muita confiança. Eu gostaria de agradecer a equipe Porsche por esta oportunidade.”

Kevin Magnussen chegou a Fórmula 1 como piloto da equipe McLaren. No GP de Melbourne, foi o primeiro dinamarquês da história da F1 a subir no pódio, depois da desclassificação de Daniel Ricciardo ele foi para a segunda posição. O quinto lugar no Grand Prix russo foi outro destaque da temporada. No entanto, para 2015 ele perdeu a vaga para Fernando Alonso. “O Porsche 919 Hybrid é um carro incrível com incrível poder. É fácil sentir que este é provavelmente o carro de corrida mais avançado do mundo. Eu tenho algumas coisas para melhorar, principalmente os freios. Como você não pode ver as rodas dianteiras aqui, você realmente não sei quando você está travando, de modo que é algo para se acostumar e há também muito menos visibilidade em comparação com um fórmula. Portanto, há algumas coisas para se acostumar, mas a primeira impressão é realmente bom e eu gostei muito. “

Oliver Turvey tem mais experiência em corridas de resistência dentre os três pilotos. Ele competiu em Le Mans três vezes em um carro LMP2. Em 2014 ele ganhou na classe e ficou em segundo lugar em 2015. Sua carreira em fórmulas o levou até GP2 Ásia antes de começar a competir Blancpain Endurance Series e a a ELMS. “É fenomenal  conduzir o Porsche 919 Hybrid. A quantidade de energia que o carro tem a partir do motor de combustão e o que impulsiona o eixo dianteiro, é realmente impressionante. O nível de aderência e o nível de força descendente é muito alta. O carro é estável e consistente é um prazer pilotar muito grato a Porsche para a oportunidade de testar aqui em Barcelona “.

VAVEL Logo