Em terceiro no pódio, Hamilton não se incomoda com vaias na Itália: "Posso aguentar"
Foto: Reprodução/Mercedes

Em terceiro no pódio, Hamilton não se incomoda com vaias na Itália: "Posso aguentar"

Piloto da Mercedes ouviu provocação da torcida ferrarista após GP de Monza

leo_silva997
Leonardo José

Mesmo quando não vence, Lewis Hamilton se satisfaz e vibra ao subir no pódio, no entanto a cena não se repetiu em Monza. O inglês ficou em terceiro, atrás do parceiro de Mercedes, Valtteri Bottas, e também de Charles Leclerc, da Ferrari. Mesmo indo bem, foi vaiado por milhares de torcedores italianos.

Talvez, o principal motivo da reprovação por parte do público local seja o fato de que Lewis é o líder do campeonato de piloto. Não é segredo para ninguém que os italianos são fanáticos pela Scuderia Ferrari. Assim, a rivalidade em 2019 entre Mercedes e o time de Leclerc é bem acentuada.

Depois do episódio, o piloto da Mercedes falou sobre o que aconteceu na cerimônia de premiação do GP da Itália.

“Não posso enfatizar o suficiente como sou grato por aqueles que me incentivam aqui. Mesmo com o ódio de uma parte da multidão. Saúdo e reconheço porque vejo todos vocês. Agradeço do fundo do meu coração.”

Em seguida, Lewis contou que espera uma melhora no comportamento do público italiano.

“Itália, uau, sua energia pode ser ouvida em todo o mundo hoje e eu a admiro enormemente por isso. A vaia não é tão legal, mas tudo bem, eu posso aguentar. Espero que isso mude no futuro, e que não possamos mais ouvir vaias em um país tão bonito. Desejo-lhe positividade e apenas boas coisas na vida de qualquer maneira.”

Vale ressaltar que não é de hoje o rumor sobre uma possível ida de Lewis Hamilton à Ferrari. Porém, se depender dos fanáticos vermelhos, essa contratação jamais se concretizaria.

VAVEL Logo