Ferrari surpreende, e Vettel garante pole no GP do Japão
Foto: Reprodução/Ferrari

A manhã do domingo japonês foi agitada. Devido ao tufão que assusta o país do Sol nascente, o treino classificatório foi adiado do sábado para o dia da prova. Aqui no Brasil, o qualifying começou às 22h. Melhor para Sebastian Vettel, que garantiu a pole no GP do Japão. Depois de marcar 1:27.064 no Q3, o alemão da Ferrari cravou o primeiro tempo, o que ele não fazia desde o GP do Canadá, no começo de junho. 

Já com o grid definido, Vettel concedeu a tradicional entrevista à F1, em que comparou os treinos instáveis da última sexta-feira (11) com o classificatório deste sábado (horário de Brasília).

"As condições são muito diferentes das que tínhamos na sexta-feira. Gostei muito, mas é apenas parte do trabalho feito. Vamos olhar em frente para esta tarde", comparou Vettel.

Com o tempo de 1:27.253, Charles Leclerc larga da segunda posição, deixando a primeira fila inteiramente à mando da Ferrari. No entanto, o monegasco ressaltou que o principal é o resultado da corrida.

"O Seb fez uma volta incrível e merece estar na pole hoje. Ele foi muito rápido, então parabéns a ele. Estamos surpresos, mas felizes por estarmos em primeiro e segundo no grid, mas é a corrida que conta mais", disse Leclerc.

Ver a escuderia italiana ocupando a P1 e P2 é uma certa surpresa para as características e contextos do atual Circuito de Suzuka. Nos TLs 1 e 2, a Mercedes se mostrou muito forte, mas na hora "H" foi a Ferrari quem deu as cartas, e Valtteri Bottas falou sobre isso.

"Parecia bastante forte, mas eles são mais rápidos nas linhas retas. Estamos a tentar tudo o que podemos para chegar à frente, ainda nada está perdido para nós", falou Bottas.

O Grande Prêmio do Japão acontece às 2h10 na madrugada deste domingo (13) e você não perde nenhuma volta com o tempo real da VAVEL Brasil.

 

VAVEL Logo