Fórmula E e FIA suspendem a sexta temporada por dois meses
Foto: Fórmula E

A Fórmula E e a FIA anunciaram que a temporada 2019/20 será temporariamente suspensa por um período de dois meses, considerando o desafio que a atual crise de saúde representa para a organização de eventos nos centros das cidades.

A decisão, tomada em coordenação com as autoridades locais relevantes, de paralisar temporariamente as corridas realizadas em cidades populosas, foi tomada como o curso de ação mais responsável, devido à disseminação contínua de coronavírus e a Organização Mundial de Saúde declarando oficialmente o COVID-19 como uma pandemia.

Com o bem-estar da equipe, espectadores e toda a força de trabalho do campeonato sendo a prioridade número um, medidas de precaução postas em prática impedirão a realização das corridas durante um período de tempo determinado.

A categoria está implementando um sistema de bandeira tradicionalmente usado no automobilismo, para determinar diferentes fases e janelas de tempo em que as corridas poderão ser reorganizadas ou permanecer inalteradas. Vermelho representando nenhuma corrida, amarelo mantendo a oportunidade aberta e verde seguindo em frente como planejado.

Os meses marcados como bandeiras vermelhas são março e abril, com maio atualmente classificado como bandeira amarela e junho e julho com bandeira verde, caso a situação melhore e se estabilize.

Como conseqüência da suspensão, não será mais possível competir em Paris, Seul ou Jacarta, como anunciado anteriormente nas datas originalmente programadas.

Trabalhando em colaboração com a FIA e as autoridades de cada local do evento, a Fórmula E monitorará de perto a situação e avaliará as opções para organizar e reagendar corridas após a suspensão temporária.

VAVEL Logo