GP de Mônaco é cancelado pela primeira vez na história
Foto: Divulgação/Site Oficial F1

Após a suspensão dos GPs da Holanda, Espanha e Mônaco, o Clube de Automobilismo de Mônaco, que serve como órgão governamental para o automobilismo no principado e organiza o prestigioso Grand Prix de Mônaco e o Rally de Monte Carlo, decidiu, em função da pandemia de coronavírus, cancelar em definitivo a etapa deste ano.

Confira a nota por completo:

"A situação de pandemia mundial, a incerteza sobre a curva de crescimento, sobre seu impacto no Campeonato Mundial de Fórmula 1 de 2020, a participação dos times, as consequências no que diz respeito aos diferentes tipos de confinamento adotados por diferentes países, as restrições de fronteira para acessar o Principado de Mônaco, a pressão implicada pelos negócios, o dedicado staff que não pode organizar as instalações de forma correta e a disponibilidade da indispensável força de trabalho dos voluntários (mais de 1.500) requeridos para o sucesso do evento significa que a situação não é mais sustentável.

Como resultado, depois de uma cuidadosa consideração em relação à gravidade desta crise mundial, é com grande pesar que os Diretoress do Automobile Club de Monaco tomaram a decisão de cancelar o 78º Grand Prix de Mônaco de Fórmula 1 (21-24 de maio 2020).

Para os fãs, espectadores, parceiros e nossos membros, os Diretores desejam expressar o sincero sentimento de desculpas, já que não podemos adiar o evento, por não viável realizá-lo mais tarde no ano."

O grande problema com o GP de Mônaco é que, como é um circuito de rua, necessita de atenção especial em sua montagem para o evento, e uma data fora do combinado torna impossível a preparação para um novo cenário.

Esta será a primeira vez desde 1954 que o lendário GP de Mônaco não acontecerá.

VAVEL Logo