Wehrlein vence pela segunda vez e é líder da Fórmula E virtual
Foto: Fórmula E

O alemão Pascal Wehrlein (Mahindra Racing) foi o vencedor da quarta prova do Desafio ABB FIA Formula E Race at Home. A corrida virtual ocorreu neste sábado (16) no circuito de Hong Kong.

Com o resultado, Pascal Wehrlein assumiu a liderança do campeonato, ultrapassando o compatriota Maximilian Guenther (BMW i Andretti Motorsport) na tabela de classificação. Ambos venceram duas corridas oficiais até agora, mas a vantagem de pontos é de Pascal Wehrlein.

O resultado nas ruas de Hong Kong levou o piloto da  Mahindra Racing a abrir seis pontos de diferença para Max Guenther, que não somou nada. 

Terceiro na classificação geral, o belga Stoffel Vandoorne (‎Mercedes-Benz EQ Formula E Team) foi o segundo colocado em Hong Kong, seguido pelo britânico James Calado (Panasonic Jaguar Racing) que conquistou seu primeiro pódio na competição virtual.

Pela terceira corrida consecutiva, a largada foi marcada por um acidente envolvendo quase todos os carros do grid na primeira curva. Largando na pole, Edoardo Mortara (ROKiT Venturi Racing) se defendeu do primeiro ataque de Pascal Wehrlein e se manteve na liderança. 

Já Wehrlein escapou por pouco da confusão, chegou a ser tocado, mas conseguiu se manter em segundo lugar disputando a posição com James Calado, que fez uma ótima largada e subiu de nono para a terceira colocação.

A liderança de Mortara porém, durou pouco: o piloto suíço cometeu um erro na chicane e caiu para a quinta colocação, deixando a ponta nas mãos de Wehrlein. Um pouco mais atrás, Vandoorne ultrapassou Calado e assumiu a segunda posição.

Quem sofreu mesmo com todo o caos na primeira curva foi o então líder do campeonato Guenther. O piloto alemão da BMW i Andretti Motorsport largou em 4º e caiu para a 12ª posição, tentou se recuperar e acabou batendo em uma das curvas do circuito de rua, o que fez com que fosse eliminado pelo formato 'race royale", no qual o último colocado de cada volta deixa a corrida.

Assim como Guenther, os pilotos brasileiros também não conseguiram sair ilesos pela primeira curva. Felipe Massa (ROKiT Venturi Racing) que havia largado em 13º, caiu para as últimas posições após o incidente da largada e terminou em 18º. Lucas di Grassi (Audi Sport ABT Schaeffler) largou apenas em 23º e terminou na 21ª posição. 

Mantendo sempre uma distância na casa dos três segundos para o segundo colocado, Wehrlein não foi ameaçado por Vandoorne e venceu pela segunda vez consecutiva no Desafio ABB Formula E Race at Home.

No início do dia, o alemão Lucas Mueller conquistou sua primeira vitória da temporada no Challenger Grid, seguido pelo australiano Joshua Rogers  e o eslovêno Kevin Siggy. 

Após ter terminado as duas últimas provas realizadas em segundo e terceiro, respectivamente, Mueller está apenas apenas 15 pontos atrás de Siggy no campeonato. 

A dupla também está de olho no vencedor da primeira rodada, Joshua Rogers, que retornou ao Challenge Grid após ter ficado de fora das duas etapas anteriores e até liderou boa parte da corrida virtual deste sábado em Hong Kong, quando acabou sendo ultrapassado na penuiltima volta por Lucas Muller.

VAVEL Logo