Talento de piloto novamente paira sobre Hamilton em comparação a Bottas no GP da Itália
Foto: Divulgação / Mercedes

Pela 94ª vez em sua carreira, Lewis Hamilton conquistou a pole position, agora para o GP da Itália, em Monza. Neste sábado (5), ele guiou sua Mercedes mais rápido que seu parceiro Valtteri Bottas e cravou 1min18s887, apenas 0s069 a menos que o finlandês. E isso se deu graças ao talento de condução do britânico.

"Dia fantástico da equipe hoje em termos de tempo, quando eles [estrategistas] nos colocaram no caminho certo. Realmente exigia uma volta limpa, Valtteri estava muito, muito perto. Fiz algumas mudanças na qualificação, então fiquei um pouco nervoso sobre se era a coisa certa a fazer [tirar o pé em alguns pequenos pontos]", disse Hamilton em tom aliviado após o Q3.

Hamilton continuou a dizer que 'medir' quando atacar e quando recuar era a chave para este sábado. Ele leva para casa sua sexta pole da temporada, e parece pronto para estender sua liderança do campeonato no domingo (6).

"Eu estava correndo primeiro [na pista] neste fim de semana, não sei sobre o vácuo, eu não tinha nenhum. Não consegui nenhum ganho em linha reta", reclamou Bottas.

Por isso, algumas reflexões interessantes. Bottas não parecia muito feliz com sua falta de aproveitar algum vácuo, mas ele conseguiu se manter fora de problemas de engarrafamento correndo em pista livre. Hamilton partiu bem longe de seu colega de equipe em ambas as voltas, portanto não estava em posição de ganhar muito, porém poderia ter feito alguns ganhos marginais por não ter sido o primeiro a sair da pista.

Olhando para o futuro é um pedido difícil negar que Hamilton tem nas mãos uma sexta vitória nesta pista de Monza e uma sexta vitória na temporada 2020. Bottas não parece um homem vencido, mas, na mesma máquina, o que ele pode fazer de extraordinário para tirar Lewis? Ele terá o vácuo do britânico a seu favor.

VAVEL Logo