Hamilton lidera de ponta a ponta, vence GP do Catar e cola no líder Verstappen
Foto: Divulgação / Mercedes

Na 20ª prova da temporada, a antepenúltima, quem cruzou a linha de chegada em primeiro foi novamente Lewis Hamilton. Repetindo o feito da semana passada em Interlagos, o inglês da Mercedes também foi o primeiro, agora no primeiro GP do Catar da história da Fórmula 1. Foi uma vitória tranquila e prevista desde a largada perfeita. Lewis liderou todas as 57 voltas do circuito e não deu sopa para o azar. Líder do campeonato, Max Verstappen foi o segundo. A surpresa ficou na conta de Fernando Alonso, que voltou ao pódio após sete anos.

Foi a 30ª vitória de Hamilton numa prova diferente, ampliando o leque de circuitos que o britânico coleciona triunfos na carreira. Depois de largar em sétimo e pular para segundo logo no começo da prova, a audiência da F1 até esperava esperançosamente uma batalha entre o holandês e o inglês, mas ela não veio justamente pela corrida perfeita do heptacampeão.

Gratificado com o prêmio de Piloto do Dia, Fernando Alonso se beneficiou das punições a Valterri Bottas e Verstappen no grid e largou da terceira posição. Ainda na primeira volta ultrapassou Gasly e chegou à P2, mas o arrojado carro da RBR do líder do campeonato passou logo depois. 

Sergio Pérez fez boa corrida de recuperação e chegou em quarto. Esteban Ocon também carimbou o bom final de semana da Alpine ao cravar a P5. Stroll, Sainz, Leclerc, Norris e Vettel fecharam o top 10 do Grande Prêmio do Catar de Fórmula 1.

Hamilton diminuiu a diferença para oito pontos

Com mais 25 pontos na conta, Lewis Hamilton chega a 343.5 e diminui seis pontos em relação ao líder Max Verstappen, que chegou em segundo, fez a volta mais rápida, conquistando 19 pontos no deserto catari, e tendo agora 351.5. Bottas não pontuou, porém segue em terceiro, com 203. Entre os construtores, a Red Bull Racing chegou a 541.5 contra 546.5 da Mercedes.

VAVEL Logo