Fórmula 1 suspende GP de Sochi, na Rússia
Grand Prix da Rússia foi vencido por Lewis Hamilton em 2021 (Foto: Divulgação / F1)

A FIA anunciou nesta sexta-feira (25) que o Grand Prix da temporada , em Sochi, está suspenso para a manhã da Fórmula 1 em 2. A Federação anunciou um comunicado nesta sexta-feira (25), que acompanha o desenrolar do político do país.

A Rússia invadiu a Ucrânia na madrugada de quarta para quinta-feira. O movimento militar russo foi considerado contra a diplomacia e diversos países ao redor do mundo foram contra as ações ordenadas por Vladimir Putin.

Na última quinta-feira (24), alguns pilotos comentaram sobre a possibilidade de correr na Rússia durante a temporada. O GP, que estava marcado para setembro, teria o boicote de Sebastian Vettel, que afirmou: "Quanto a mim, minha opinião é que não devo ir, e não irei."

O comunicado da FIA não cancela o Grande Prêmio da Rússia. O texto divulgado pela Fórmula 1 avisa explicitamente que "é impossível manter o GP nas circunstâncias atuais."

Veja a declaração completa:

"O Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA visita o países ao redor de todo o mundo, com a visão positiva de unir pessoas e juntar nações. 

Nós estamos assistindo aos desenvolvimentos na Ucrânia com tristeza e choque e esperança por uma mudança  e resolução pacífica à situação presente.

Na quinta-feira à noite, a Fórmula 1, FIA, e os times discutiram a posição no nosso esporte e a conclusão é, incluindo toda a visão das partes interessadas, que é impossível manter o Grand Prix da Rússia nas circunstâncias atuais."

VAVEL Logo