Team Estrella Galicia 0,0 quer vitória em Interlagos pela SuperBike

Pilotos da Copa Honda CBR 500 R e da Super Street 300cc esperam por um fim de semana competitivo e querem buscar o pódio. A programação no circuito paulistano começa nesta sexta-feira

Team Estrella Galicia 0,0 quer vitória em Interlagos pela SuperBike
(Foto: Sampafotos)

Depois de duas etapas brigando pelas primeiras posições, conquistando pódios, poles e faturando a vitória na última prova, realizada em maio, o Team Estrella Galicia 0,0 by Alex Barros chega motivado para a terceira etapa do SuperBike Brasil, que acontece neste fim de semana - dias 11 e 12 - no autódromo de Interlagos (SP). Na Copa Honda CBR 500R, José Duarte e Guilherme Brito, que estiveram muito competitivos nas duas etapas iniciais, esperam por mais uma rodada equilibrada com expectativa de, novamente, estarem entre os ponteiros. 

Para o cearense José Duarte, a terceira etapa será mais uma chance de mostrar seu potencial. O piloto de 18 anos ainda não venceu na equipe de Alexandre Barros - da qual faz parte desde 2014 - e a conquista não veio por pouco, pois ele ‘bateu na trave’ em várias oportunidades. Mas, Duarte espera que desta vez, a tão almejada vitória aconteça. 

"Na corrida passada eu estava muito bem, era um dos mais rápidos na pista, mas acho que me faltou um pouco de sorte para vencer, e, além disso, a disputa foi bem equilibrada. Mas, os resultados estão aí, e acredito que estou cada vez mais perto da vitória, precisando ajustar detalhes para isso acontecer. Estou confiante no trabalho que tenho feito e espero por mais um fim de semana positivo", comentou o jovem dono da Honda CBR 500 R #97, que é o terceiro na tabela de classificação, com 31 pontos. 

Passadas as comemorações e emoções pela conquista da primeira vitória na última etapa, o paulista Guilherme Brito está focado em conseguir, novamente, um bom resultado. O objetivo do piloto de Barueri, de 13 anos, é buscar o máximo de pontos possível, para avançar na tabela de classificação. Atualmente, ele é o quarto, com 25 pontos. 

"Venho de duas etapas diferentes. Na primeira eu andei bem, tinha bom ritmo, mas sofri uma queda na prova e não completei, por isso fiquei sem pontos. Na segunda, tivemos treinos na chuva e era minha primeira vez nessas condições, e eu não estava tão confiante. Mas, sabia que na corrida tinha que partir para o tudo ou nada, e com uma boa estratégia deu certo. Agora, estou muito animado. E quero fazer uma boa etapa, pontuar bem e avançar na classificação, porque estou mais atrás e preciso me aproximar dos líderes", disse o piloto que conduz a moto #19. 

Na Super Street 300cc time almeja o top-10 para os três pilotos
Se na categoria de 500cc, o elenco de Alexandre Barros quer brigar pela vitória, na Super Street, o objetivo é o mesmo, e vai além, pois os jovens pilotos pretendem pontuar e colocar os três representantes da equipe entre os top-10. Diogo Moreira é o melhor colocado na tabela. Ele foi segundo colocado na primeira etapa, após brigar pela vitória até a bandeirada, e ficou em quarto na última rodada. Com isso, Moreira ocupa a vice-liderança na tabela, com 34 pontos. O jovem de 12 anos está animado para a terceira etapa do ano. 

"Na etapa passada não fui tão bem, pois ainda tenho dificuldade de andar com pista molhada. Mas, espero que a chuva amenize um pouco até o fim de semana. Estou animado para a disputa. Venho treinando bastante e me sinto bem preparado. Espero andar mais rápido que na outra etapa. Acho que é hora de arriscar, e buscar mais pontos para não deixar o Ton (Kawakami) abrir muito na liderança. O objetivo é conquistar o máximo de pontos possível e diminuir essa diferença", contou Diogo Moreira, dono do equipamento #20. 

Humberto Cesar Turquinho também pontuou nas duas etapas realizadas. E espera manter o ritmo e a evolução que tem apresentado. "Acho que até tenho conseguido bons resultados. E me sinto mais adaptado à moto. Espero ir bem nesta etapa e buscar um lugar no pódio, sempre pensando em melhorar", disse o piloto de 10 anos, que é o sexto na classificação com 20 pontos.

Kevin Santos Fontainha conquistou, na última etapa, seus primeiros pontos no campeonato. E tem a expectativa de pontuar bem e seguir seu aprendizado. "Quero tentar brigar por uma boa colocação e conseguir mais pontos. Sei que tenho que melhorar. Estou mais adaptado agora, gostando mais da moto e me ajustando melhor a ela. Os meninos da equipe também me ajudam, me passam informações e aos poucos vou progredindo", contou o caçula do elenco, com 9 anos, que soma três pontos e está em 19º. 

Classificação da Copa Honda CBR 500R - após duas etapas (top-10) 
1) Arthur Costa, 45 
2) Leonardo Tamburro, 36
3) José Duarte, 31
4) Guilherme Brito, 25

5) Marcia Reis, 15
6) Maria Fernanda Rocha e Juninho Trudes, 13
8) Luigi Maffei e Davi e Gomide, 11
10) Rafael Paixão e Linda Raad, 10

Classificação da Super Street - 300cc - após duas etapas (top-10) 
1) Eliton Kawakami, 50
2) Diogo Moreira, 34
3) Marco Antonio Reis e Rafael Traldi, 22 
5) Meikon Kawakami, 21
6) Humberto Turquinho Cezar, 20
7) Niko Ramos, 16 e Indiana Munoz, 16
9) Anderson Santos, 11
10) Kelvin G. Souza Firmino (300L), 9
19) Kevin Santos Fontainha, Danilo Cypas e Daniel Schwebel, 3