Venda de ingressos para etapa da Fórmula Truck em Interlagos tem início no site da categoria

Etapa no principal circuito brasileiro acontece no próximo dia 31 de Julho. Vários eventos estão agendados como o Show dos Caminhões com Dani e Juninho e Fórmula 1600

Venda de ingressos para etapa da Fórmula Truck em Interlagos tem início no site da categoria
Felipe Giaffone desembarca em Interlagos com a liderança da Fórmula Truck. (Luciana Flores)

A Fórmula Truck volta a Interlagos. A sexta etapa está confirmada para o próximo dia 31 de julho nos 4.309 metros do mais tradicional traçado nacional e palco da Fórmula 1 nas últimas décadas. Apesar das reformas que estão sendo realizadas no circuito, os torcedores poderão ver de perto os brutos na pista e o belíssimo Show dos Caminhões, com Dani e Juninho fazendo manobras radicais. Fazendo parte do final de semana, vários eventos estão confirmados, entre eles aFórmula 1.600, uma categoria para pilotos iniciantes no automobilismo paulista e nacional, e que tem apresentado grid de largada com algo em torno de 30 carros por etapa.

Os ingressos (arquibancadas, Camarote Torcedor, Paddock e VIP) para a sexta corrida - dia 31 de julho - do 21º ano da Fórmula Truck podem ser comprados no site da categoria:www.lojaformulatruck.com.br/loja e em pontos de venda a serem anunciados pela organização em breve. As vendas pelo site se encerram na sexta-feira, dia 29 de julho. Para acompanhar todos os treinos de sexta e sábado e a corrida das arquibancadas o preço é de R$ 35 - com direito a um boné oficial da F-Truck e à visitação aos boxes no sábado em horário determinado pela organização. Quem optar por comprar os tickets de arquibancadas nas bilheterias do autódromo entre os dias 29 e 30 (sexta e sábado) ainda ganha o boné, diferentemente dos que adquirirem somente no domingo (dia 31 de julho), que não receberão. 

Os ingressos de arquibancadas comprados pelo site devem ser retirados na bilheteria a partir das sexta-feira, dia 29 de julho, mesma data para a retirada das credenciais (Camarote Torcedor, Paddock ou VIP), no contêiner de credenciamento. Os ingressos de arquibancada dão direito à visitação aos boxes somente no sábado no horário determinado pela organização. 

O bilhete de Paddock, ao preço de R$ 160, dá direito de acompanhar treinos e corrida de um local reservado pela organização próximo à área dos boxes, mas sem alimentação. No entanto, no domingo antes da prova, esse bilhete dá acesso à visitação aos boxes, somente para maiores de 16 anos e ao passeio no Truck Teste. Além de tudo isso, a cada três ingressos de Paddock adquiridos se recebe uma credencial de estacionamento gratuito na parte interna do autódromo.

A credencial Camarote Torcedor custa R$ 350 e dá direito a ver os treinos de sexta e sábado, à visitação aos boxes todos os dias e de acompanhar a corrida de domingo de um local reservado na área de box, com alimentação limitada, além de receber o Kit Torcedor, que inclui uma camiseta silkada personalizada e um boné bordado. O dono da credencial Camarote Torcedor também pode participar do Truck Teste no domingo (31/7) pela manhã, único dia em que serão servidas alimentação e bebidas de acordo com o estabelecido.

A credencial VIP, cujo preço é de R$ 600, dá ao portador acesso ao Camarote VIP da Fórmula Truck, com serviço de buffet incluso - bebidas e alimentação ilimitadas - somente no domingo (31/7), além de participar da visitação aos boxes. A cada três ingressos VIP adquiridos o comprador tem direito a uma credencial de estacionamento numa área reservada. As credenciais de Paddock e VIPs podem ser pagas com cartão de crédito ou dinheiro. Tanto em treinos quanto na corrida é obrigatório o uso das credenciais, que devem estar penduradas no pescoço.

Seja nos pontos de venda, situados nos postos Petrobras ou nas bilheterias do autódromo, a única forma de pagamento é em dinheiro. Para ter direito à meia-entrada (RS 17,50), que é vendida sexta, sábado e domingo somente nas bilheterias do autódromo, é preciso apresentar a Carteira de Identificação Estudantil, dentro do prazo de validade, junto com documento de identidade oficial. Terão direito à entrada gratuita na arquibancada, Portadores de Necessidades Especiais (PNE), menores de oito anos, desde que acompanhados dos pais ou responsáveis, portando documentos, e idosos acima dos 60 anos, com Carteira de Identidade. Esses ingressos só podem ser adquiridos na bilheteria do autódromo.

Paulo Salustiano vence última etapa da Fórmula Truck em Londrina

Festa de Paulo Salustiano pela sua segunda vitória na temporada da F Truck. (Luciana Flores)
Festa de Paulo Salustiano pela sua segunda vitória na temporada da F Truck. (Luciana Flores)

Paulo Salustiano ganhou e deu um importante passo na volta à briga pelo título do Campeonato Brasileiro da Fórmula Truck. Na tarde deste domingo, ele venceu a quinta etapa da temporada disputada no Autódromo Ayrton Senna, em Londrina, e com esta sexta vitória na categoria mais popular da América do Sul, se manteve em terceiro lugar na classificação geral e reduziu a diferença para o agora líder Felipe Giaffone - conquistou dois segundos lugares - e de Diogo Pachenki, que enfrentou muitos problemas no final de semana.

Giaffone tem 198 pontos contra 179 de Pachenki e 164 de Salustiano. A sexta etapa da temporada está marcada para dia 31 de julho em Interlagos, o templo do automobilismo brasileiro e uma pista bastante conhecida e apreciada por praticamente todos os pilotos.

Logo na largada o pole position Paulo Salustiano manteve a ponta e se defendeu bem das investidas de Felipe Giaffone. Enquanto os dois brigavam pela primeira colocação, o líder Diogo Pachenki enfrentava problemas com um pedaço da carenagem do seu Mercedes-Benz bicudo que estava raspando no pneu esquerdo traseiro. Mas a decepção da torcida aconteceu na décima passagem, quando Leandro Totti (morador da cidade) abandonou. Poucas passagens depois foi acionada a bandeira amarela devido a óleo na pista e a primeira fase terminou dessa forma.

Resultado da primeira fase da quinta etapa da Fórmula Truck, em Londrina:

1) Paulo Salustiano (ABF Mercedes-Benz), 15 voltas em 26min35s787
2) Felipe Giaffone (RM Competições-MAN), a 1s157
3) Wellington Cirino (ABF Mercedes-Benz), a 2s022
4) André Marques (RM Competições-MAN), a 2s213
5) Djalma Fogaça (DF Racing Fans), a 4s074
6) Roberval Andrade (Dakar Motorsports), a 4s444
7) Adalberto Jardim (RM Competições-MAN), a 5s646
8) Raijan Mascarello (ABF Racing Team), a 6s865
9) Diogo Pachenki (Copacol Truck Racing), a 7s844
10) Beto Monteiro (Lucar Motorsport), a 8s874
11) Débora Rodrigues (RM Competições-MAN), a 10s122
12) David Muffato (MAN TGX), a 11s761
13) Régis Boessio (Boessio Competições), a 13s146
14) Luiz Lopes (Lucar Motorsport), a 13s853
15) Alex Fabiano (ABF Azulim Indy Truck Racing), a 15s495
16) Pedro Muffato (Muffatão Racing), a 16s406
17) Joel Mendes Júnior (Fábio Fogaça Motorsports), a 23s542
18) Valmir Hisgué Benavides (DF Racing Fans), a 3 voltas
19) Leandro Totti (Clay Truck Racing), a 5 voltas
20) Rogério Castro (ABF Racing Team), a 5 voltas

Melhor volta: Felipe Giaffone, 1min38s369, média de 115,1 km/h

Logo depois da relargada da segunda fase o caminhão de Wellington Cirino teve problema no turbo e pegou fogo na parte traseira. Os bombeiros controlaram o incêndio e a pista mais uma vez teve de ser limpa. Nova relargada e quando faltavam três voltas para o final, a direção de prova determinou nova entrada do Pace Truck devido a mais óleo no asfalto, desta vez espalhado pelo caminhão de Pachenki, que apresentou problema. Com isso, a corrida terminou com bandeira amarela e o bom público de Londrina e região viu a vitória de Salustiano. Depois do final da corrida os comissários desportivos puniram Roberval Andrade, que tinha feito o quinto lugar, com 20 segundos por ultrapassagem em bandeira amarela. Com isso ele caiu para o 13º posto e Débora Rodrigues assumiu a quinta colocação na segunda fase.

Resultado da segunda fase da quinta etapa da Fórmula Truck, em Londrina:

1) Paulo Salustiano (ABF Mercedes-Benz), 9 voltas em 27min36s618
2) Felipe Giaffone (RM Competições-MAN), a 0s464
3) Djalma Fogaça (DF Racing Fans), a 1s029
4) André Marques (RM Competições-MAN), a 1s117
5) Débora Rodrigues (RM Competições-MAN), a 2s342
6) Raijan Mascarello (ABF Racing Team), a 3s301
7) David Muffato (MAN TGX), a 4s876
8) Adalberto Jardim (RM Competições-MAN), a 5s716
9) Régis Boessio (Boessio Competições), a 6s538
10) Joel Mendes Júnior (Fábio Fogaça Motorsports), a 7s139
11) Alex Fabiano (ABF Azulim Indy Truck Racing), a 8s654
12) Pedro Muffato (Muffatão Racing), a 9s871
13) Roberval Andrade (Dakar Motorsports), a 21s642*
14) Valmir Hisgué Benavides (DF Racing Fans), a 1 volta
15) Diogo Pachenki (Copacol Truck Racing), a 2 voltas
16) Beto Monteiro (Lucar Motorsport), a 5 voltas
17) Wellington Cirino (ABF Mercedes-Benz), a 7 voltas
18) Luiz Lopes (Lucar Motorsport), a 7 voltas

Melhor volta: Felipe Giaffone, 1min40s366, média de 112,8 km/h

* Roberval Andrade foi punido com 20 segundos no tempo após o final da corrida.

Os dez primeiros no campeonato de pilotos

1) Felipe Giaffone, 198
2) Diogo Pachenki, 179
3) Paulo Salustiano, 164
4) David Muffato, 128
5) André Marques, 126
6) Débora Rodrigues, 119
7) Alex Fabiano, 114
8) Raijan Mascarello, 111
9) Wellington Cirino, 85
10) Adalberto Jardim, 73

CALENDÁRIO DE 2016

13 de março - Santa Cruz do Sul (RS)
10 de abril - Curitiba (PR)
15 de maio - Campo Grande (MS)
5 de junho - Goiânia (GO)
3 de julho - Londrina (PR)
31 de julho - Interlagos (SP)
4 de setembro - Tarumã (RS)
9 de outubro - Cascavel (PR)
6 de novembro - Guaporé (RS)
4 de dezembro - Curvelo (MG)