Michael Shank Racing cancela programa com protótipos na IMSA para 2017

Foco será o desenvolvimento do novo Acura Acura NSX GT3 que vai correr na classe GTD

Michael Shank Racing cancela programa com protótipos na IMSA para 2017
Não veremos mas o Ligier da equipe com um pintura diferente em cada corrida da IMSA. (Foto: José Mario Dias)

Michael Shank Racing confirmou que vai se dedicar ao programa com o Acura NSX GT3 para 2017 na IMSA, e não volta para a classe de protótipos.

Petit Le Mans, última etapa da IMSA este ano será a última que veremos Oswaldo Negri, John Pew  e Oliver Pla com o Ligier JS P2 equipado com motor Honda. “Seria 99,9% improvável que continuaríamos na classe P,” disse Michael Shank ao site Sportscar365 último fim de semana no Circuito das Américas. “Vamos focar no Acura NSX GT3.”

“Escolher um chassis de protótipo agora é um pouco como roleta russa.”

“Em alguns aspectos, eu estou feliz de não ter que tomar uma decisão agora, mas nós tínhamos um plano de backup. Iríamos continuar na classe Prototype, em algum nível.”

Para o próximo ano, novos pilotos devem estar ao volante do Acura, já que John Pew vai ficar fora das pistas por pelo menos um ano. A Honda também já deixou claro que deve ter um programa DPi para 2018, o que poderia estar incluso os planos de Shank. “Em algum momento, posso dizer que podemos retornar a classe P.”

Participando pela primeira vez das 24 horas de Le Mans, este ano, Michael Shank também descartou o seu retorno à clássica francesa em 2017.