Matheus Iorio e Guilherme Samaia vencem em Londrina pela Fórmula 3 Brasil

Fórmula 3 Brasil realizou a quinta etapa da temporada; corridas disputadas neste domingo tiveram frio, chuva e até calor

Matheus Iorio e Guilherme Samaia vencem em Londrina pela Fórmula 3 Brasil
(Fábio Davini/VICAR

Pouco tempo de intervalo entre duas corridas e, mesmo assim, duas provas completamente distintas. Na primeira corrida, Matheus Iorio foi o vitorioso seguido de Thiago Vivacqua e Carlos Cunha, em disputa bastante apertada até que a chuva apareceu na manhã deste domingo (25) em Londrina (PR), forçando a entrada do carro de segurança em razão da baixa aderência dos carros com pneus para pista seca.

Iorio, que saiu na pole, teve uma primeira metade da prova um tanto mais tensa pela aproximação de Thiago Vivacqua. Mas pôde comemorar sua sétima vitória na temporada. 

"Todo mundo trabalhou muito bem. Na classificação os tempos foram bem próximos, e na corrida também. No começo eu não conseguia me achar muito no primeiro setor, mas depois me encontrei e consegui abrir um pouco. Quando o safety car entrou eu fiquei mais tranquilo porque eu já imaginava que, com a chuva que começou a cair, a corrida terminaria daquele jeito porque não havia condições de guiar daquele jeito. A equipe tem feito um bom trabalho, e os resultados estão acontecendo. Não é só a minha parte, tem a mão de todo mundo. O triunfo é nosso como equipe, não é só meu", afirmou o líder do campeonato, que chegou em quarto na segunda prova e estendeu sua vantagem e agora soma 124 pontos contra 80 de Guilherme Samaia, seu adversário mais próximo.

Na segunda prova, já com a pista completamente seca e os seis primeiros da corrida largando em ordem invertida, Christian Hahn, saindo em terceiro, queimou a largada e acabou punido com uma passagem obrigatória pelos boxes. Assim, Guilherme Samaia conseguiu abrir distância enquanto Matheus Iorio, Thiago Vivacqua e Carlos Cunha lutavam pela terceira posição. O piloto da Hitech/Shell Racing conseguiu se desvencilhar da dupla da Cesário para repetir o segundo lugar conquistado pela manhã, assim como Cunha, que conquistou seu quarto terceiro lugar consecutivo.

"A gente vem lutando bastante, trabalhando muito forte, dominamos os treinos, fui o mais rápido nos testes que fizemos aqui antes e vim muito otimista para Londrina. Infelizmente tivemos alguns contratempos na classificação, que nos tiraram da briga pela vitória. Mas agora na segunda eu até tomei um susto com o Hahn, porque cheguei a pensar que não era possível ele ter largado tão bem daquele jeito, mas a equipe me informou que ele havia queimado. Depois disso, com vento na cara, pude imprimir um ritmo forte e aí abri alguns segundos para chegar tranquilo. Graças a Deus saiu essa segunda vitória", afirmou Samaia, que na etapa anterior em Interlagos havia conquistado sua primeira vitória na classe A da Fórmula 3. 

Sem falsa modéstia, o atual campeão da F3 Light destacou que a preparação e o trabalho começam a dar mais resultados. "Eu já tirei o peso da primeira vitória, mas acho que eu realmente merecia vencer aqui, porque dominamos totalmente os treinos livres, mas o imprevisto na classificação me tirou as chances na primeira corrida. Estamos evoluindo desde Interlagos e conseguimos trazer isso para cá. Estamos mais fortes e espero continuar assim cada vez mais", concluiu.

A próxima etapa da Fórmula 3 Brasil acontece no circuito de Curitiba, em 16 de outubro.

Resultado Corrida 1*:
1-) 34 Matheus Iorio (Cesario F3) - 24 voltas em 28min14s672 (média de 155,7 km/h)
2-) 36 Thiago Vivacqua (Hitech Racing) - a 0.806
3-) 54 Carlos Cunha (CF3) - a 1.364
4-) 12 Christian Hahn (CF3) - a 1.929
5-) 77 Guilherme Samaia (Cesario F3) - a 2.163
6-) 10 L. Felipe Branquinho (RR Racing) - a 2.681
7-) 52 Pedro Caland (Hitech GP) - a 1 volta
MELHOR VOLTA: Matheus Iorio, 1min04s653 (170,1 km/h)
*Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas

Resultado Corrida 2*:
1-) 77 Guilherme Samaia (Cesario F3) - 29 voltas em 31min34s143 (média de 163,3 km/h)
2-) 36 Thiago Vivacqua (Hitech Racing) - a 10s610
3-) 54 Carlos Cunha (CF3) - a 15s501
4-) 34 Matheus Iorio (Cesario F3) - a 39a006
5-) 12 Christian Hahn (CF3) - a 43s829
6-) 10 L. Felipe Branquinho (RR Racing) - a 49s598
NÃO COMPLETOU
7-) 143 Pedro Caland (Hitech GP) - a 21 voltas
MELHOR VOLTA: Guilherme Samaia, 1min10S204 (170,1 km/h)
*Resultados sujeitos a verificações técnicas e desportivas