TecRacing já trabalha em melhorias no Circuito dos Cristais

Após inauguração oficial do autódromo com a realização da Stock Car, no último domingo, empresa estuda relatórios de confederação, comissários e pilotos para elaborar plano de evoluções

TecRacing já trabalha em melhorias no Circuito dos Cristais
(Duda Bairros/VICAR)

A estreia da Stock Car em Minas Gerais foi um grande sucesso. Colocando Curvelo no mapa do automobilismo brasileiro, o Circuito dos Cristais recebeu, no final de semana do último dia 20 de novembro, 42 mil pessoas entre torcedores nas arquibancadas, camarotes, convidados, equipes, pilotos, staff técnico e organização - e foi extremamente elogiado pelas características de seu traçado.

Agora a TecRacing, empresa que administra o autódromo, já trabalha para trazer melhorias nas áreas de escape e defensas para aumentar a segurança da pista. "Já estamos planejando investimentos e estudando todas as análises feitas sobre o circuito, principalmente na questão da segurança", destaca Marco Túlio Ferreira Santos, diretor da TecRacing.

Um relatório contendo sugestões dos pilotos e comissários de segurança da CBA (Confederação Brasileira de Automobilismo), mais as cópias das corridas disputadas da Stock Car, Copa Petrobras de Marcas e Campeonato Brasileiro de Turismo, servirão de material para análise dos pontos a serem melhorados.

"Também colhemos depoimentos com sugestões do público, de visitantes e dos demais participantes do evento como um todo para enriquecer o material e termos, assim, uma visão ampla no aspecto geral do que deverá ser melhorado", seguiu Santos.

O Circuito dos Cristais é a realização de um projeto 100% privado que nasceu em 2014 e culminou com a inauguração oficial, no último final de semana, com etapa da principal categoria do automobilismo nacional. "Foi impressionante a organização e dedicação da Vicar para proporcionar a melhor condição possível ao público presente e pela segurança dos pilotos na pista", disse Marco Túlio, referindo-se à empresa que organiza e promove a Stock Car e suas demais categorias.

"Uma operação colaborativa entre equipes da Vicar e do Circuito dos Cristais foi realizada para vencer as dificuldades de preparação do evento em um autódromo ainda em construção e que se agravaram com os 10 dias de chuva que antecederam a data do evento, exigindo um grande esforço por parte de todos que se desdobraram virando noites operando tratores e caminhões para adequar as instalações e acessos", apontou Marco Túlio.

Segundo ele, o esforço foi recompensado. A opinião dos pilotos a respeito do traçado foi positiva em sua imensa maioria, e vários colocaram-se à disposição dando sugestões em aspectos de segurança que podem ser incrementados. Apesar do longo período de chuvas na preparação do evento, no sábado e domingo o sol brilhou forte em Curvelo para a disputa das corridas, que transcorreram sem grandes acidentes - só houve uma intervenção do carro de segurança durante as provas da Stock Car, por exemplo.

"Este evento, para nós, foi um grande teste. Mais do que isso, foi de grande valia, pois nos trouxe um aprendizado gigantesco em todas as áreas. Com isso nós vamos continuar trabalhando para implementar melhorias e receber os grandes eventos do esporte a motor brasileiro ainda mais preparados", concluiu o diretor da TecRacing.