Em última corrida pela Ford, Pipo Derani conquista pódio em Le Mans

Brasileiro chega em segundo lugar na classe GTE-PRO. Próximo desafio será as 6 horas de Watkins Glen pela IMSA

Em última corrida pela Ford, Pipo Derani conquista pódio em Le Mans
Brasileiro dividiu Ford GT com Andy Priaulx e Harry Tincknell. (Foto: Ford)

Pipo Derani subiu ao pódio na LMGTE Pro em Le Mans, neste domingo (dia 18), e somou mais uma importante conquista a sua crescente carreira no endurance mundial. Após ser campeão da 24 Horas de Daytona e 12 Horas de Sebring, no ano passado, Derani teve participação importante na conquista do segundo lugar do #67 Ford Chip Ganassi Ford na 85a edição das 24 Horas de Le Mans.

O piloto de 23 anos esteve ao lado dos britânicos Andy Priaulx e Harry Tincknell e partiram de nono no grid para assegurar um merecido segundo lugar. Foi uma das edições mais difíceis da maior prova do endurance mundial, com altas temperaturas que exigiram ao máximo dos pilotos e equipes.

Derani superou o desafio com stints impressionantes durante o dia e à noite no Ford GT. Brigando contra equipes de fábrica da Aston Martin, Corvertte, Porsche e Ferrari, Derani contribuiu com bons tempos de volta para assegurar a liderança da temporada 2017 do FIA GT (Mundial de Endurance) para a Ford, agora com 74 pontos.

“Foi um esforço incrível da Ford Chip Ganassi Racing, a equipe do carro #67, meus companheiros Andy e Harry”, declarou Derani logo após a prova. “Foi uma corrida muito difícil este ano, em parte porque as temperaturas estavam muito altas e também em virtude da competição muito acirrada. De verdade, todos os carros da categoria tinham a possibilidade de vencer”, destacou o brasileiro.

“Nós estávamos muito fortes em toda a corrida e nossa estratégia foi muito boa”, continuou. “Tenho de agradecer a toda a equipe, porque nós tiramos absolutamente tudo do carro, mostramos 100% de comprometimento em cada departamento e isso é tudo que você pode dar para uma corrida como Le Mans. Lutamos até o final e fomos recompensados”.

Além de provar seu talento novamente na pista, Derani também foi bastante requisitado e ficou honrado ao se dirigir a Edsel Ford no sábado de manhã, com um discurso especial. O brasileiro também se encontrou com o lendário AJ Foyt, que comemorou os 50 anos de sua vitória em Le Mans com o original Ford GT, em 1967, ao lado de Dan Gurney.

“Foram dois momentos dos quais sempre me lembrarei”, disse. “Foi um período inesquecível com a Ford e tenho de agradecer do fundo do coração esta oportunidade que eles me deram. Encerrar estas três corridas com uma vitória, um pódio em Le Mans e a liderança do WEC me deixa muito satisfeito pelo lado pessoal, mas o principal foco é a equipe que foi magnífica para mim desde o primeiro dia”,completou Derani.

Apesar de encerrar seu contrato de três corridas com a Ford no WEC para este ano, o brasileiro ainda terá outros desafios na temporada e já volta sua atenção para as 6 Horas de Watkins Glen, nos Estados Unidos, para a terceira etapa do Campeonato Norte-americano de Endurance do IMSA no dia 2 de julho. Em breve, o piloto anunciará os planos para o restante da temporada 2017.

Os 10 primeiros na LMGTE Pro na 24 Horas de Le Mans: 
1 #97 TURNER / ADAM / SERRA (Aston Martin Racing Aston Martin Vantage) 340 voltas em 24h03min35s578 
2 #67 PRIAULX / TINCKNELL / DERANI (Ford Chip Ganassi Team UK Ford GT) 
3 #63 MAGNUSSEN / GARCIA / TAYLOR (Corvette Racing – GM Chevrolet Corvette C7.R) 
4 #91 LIETZ / MAKOWIECKI / PILET (Porsche GT Team Porsche 911 RSR) 
5 #71 RIGON / BIRD / MOLINA (AF Corse Ferrari 488 GTE) 
6 #68 HAND / MÜLLER / KANAAN (Ford Chip Ganassi Team USA Ford GT) 
7 #69 BRISCOE / WESTBROOK / DIXON (Ford Chip Ganassi Team USA Ford GT) 
8 #64 GAVIN / MILNER / FÄSSLER (Corvette Racing – GM Chevrolet Corvette C7.R) 
9 #95 THIIM / SØRENSEN / STANAWAY (Aston Martin Racing Aston Martin Vantage) 
10 #66 MÜCKE / PLA / JOHNSON (Ford Chip Ganassi Team UK Ford GT)


Share on Facebook