Hero Push aproxima fãs e pilotos da Stock Car

Vencedores aproveitaram o botão extra para conquistar posições na Corrida do Milhão. Votação para segunda edição já está aberta

Hero Push aproxima fãs e pilotos da Stock Car
Cacá Bueno em Curitiba (Fernanda Freixosa/Vicar

O fã da Stock Car já pode votar nos pilotos que ganharão o HERO Push na sexta etapa da categoria, em Curvelo (MG), no próximo dia 23 de julho. A eleição popular vai conceder aos três competidores mais votados um acionamento extra do dispositivo que aumenta a potência do motor, gerando mais velocidade aos carros para atacar ou se defender durante a corrida.

A primeira edição contou com mais de 170 mil votos, premiando os seis pilotos mais votados: Rubens Barrichello, Bia Figueiredo, Felipe Fraga, Cacá Bueno, Thiago Camilo e Átila Abreu. Entre os premiados o HERO Push foi decisivo para três competidores durante a Corrida do Milhão, realizada em Curitiba no último dia 2. Principalmente para Cacá Bueno, que largou na sétima posição do grid e terminou a prova em terceiro.

O pentacampeão afirma que o push extra foi determinante para a sua posição na etapa de Curitiba. "A corrida começou um pouco complicada para nós, mas fomos recuperando bem, principalmente depois da parada. O HERO Push me ajudou a escapar do pelotão que vinha rápido nas voltas finais e assim consegui distanciar de quem me ameaçava e garantir o pódio na Corrida do Milhão”, comentou o piloto do Chevrolet Cruze #0 da equipe Cimed Racing. O maior campeão da Stock Car em atividade também acredita o HERO Push é o marco na história da categoria. “Fiquei muito feliz com a votação e honrado em contar com esta ajuda dos torcedores na primeira vez na história no automobilismo brasileiro e justamente na prova mais importante do ano”, acrescentou.

Outros pilotos que também tiraram proveito do push adicional foram Rubens Barrichello e Bia Figueiredo. O campeão da categoria em 2014 saiu em 19º e cruzou a linha de chegada em quarto lugar, enquanto a única representante feminina da Stock Car pulou de 30º para 16º ao final da Corrida do Milhão. Já Camilo, Fraga e Átila não completaram a prova.

Vale lembrar que os seis pilotos contemplados com HERO Push em Curitiba estão inelegíveis e ficarão disponíveis novamente na etapa do Velo Città. Para eleger os três que receberão o push adicional em Curvelo (MG), acesse o site www.stockcar.esp.br e faça seu cadastro usando sua conta pessoal no Facebook. A votação é auditada por uma empresa contratada pela organização do evento, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

Cavaleiro Sports quer usar etapa de Curvelo como trampolim para o campeonato de equipes

Felipe Lapenna. (Foto: Vanderley Soares/MS2)
Felipe Lapenna. (Foto: Vanderley Soares/MS2)

A Cavaleiro Sports quer virar a página, depois de uma Corrida do Milhão complicada e usar a etapa mineira como trampolin no campeonato de equipes.

Rafael Suzuki e Felipe Lapenna têm como objetivo pontuar nas duas provas e imprimir um bom ritmo nas próximas seis etapas, para colocar o time azul e vermelho entre os sete principais da maior categoria do automobilismo brasileiro. Os dois pilotos acreditam na ascensão na tabela. “Temos bons motivos para confiar em uma recuperação em Curvelo. Estamos evoluindo a cada etapa, inclusive no Milhão, quando uma pane seca nos impediu de pontuar bem. Curvelo ainda é uma pista nova para todos, então a disputa fica ainda mais equilibrada. Vamos com o objetivo de fazer boas corridas e ter um 2º semestre ainda mais forte. O público de Minas Gerais também apoiou muito a Stock Car no ano passado, então será legal encontrá-los novamente", disse Suzuki, que representa o  Maranhão na Stock Car.

No comando do carro #110, o paulista Felipe Lapenna vê com bons olhos a prova de Curvelo, já que na etapa inaugural do autódromo no passado foi um dos protagonistas da disputa. “Depois do final de semana de Curitiba, onde tivemos muitos problemas, estou ansioso pra andar no carro e ter certeza que o carro está 100%. Curvelo ano passado tava super bem na corrida trocando de posição com o Thiago (Camilo) andando entre os seis primeiros e meu carro quebrou, espero que essa maré de azar passe e que façamos uma grande corrida”, analisou o piloto que faz sua primeira temporada pela Cavaleiro Sports.

Destaque da Corrida do Milhão, Blau Motorsport vai a Curvelo de olho no Top10 

 

Equipe Blau Motorsport (Duda Bairros)
Equipe Blau Motorsport (Duda Bairros)

Depois de ficar entre as quatro equipes que mais pontos somaram na Corrida do Milhão, a Blau Motorsport embarca para a etapa de Curvelo com o objetivo de acirrar ainda mais a disputa por um lugar no Top10 do campeonato. Nesta briga, o Time Azul, estreante na categoria, soma 64 pontos e aparece na 12a posição. Tem 13 pontos a menos que a Vogel Motorsport, décima colocada.

“Estamos crescendo no campeonato, evoluindo a cada etapa e chegando cada vez mais perto do nosso objetivo para esta primeira temporada na maior e mais equilibrada categoria do país. O bom desempenho na Corrida do Milhão mostrou que estamos no caminho certo para fazer um trabalho vencedor a longo prazo. Agora, nesta etapa, esperamos conseguir ir ainda mais longe e somar ainda mais pontos”, disse o chefe de equipe Maurício Fontenete. 

Mas fazer bonito em Curvelo promete ser um desafio e tanto para a Blau Motorsport. O circuito de 3.330 metros construído no interior de Minas e que estreou na Stock Car em 2016 e passou por modificações este ano ainda é inédito tanto para a equipe como para o piloto Cesar Ramos, dono de três Top10 no ano e sétimo colocado na Corrida do Milhão.

“Estou estudando algumas câmeras onboard para pegar manhas da pista. Pelo que vi, é um traçado que se adapta bem ao meu estilo. Por isso, apesar de ser o único do grid que nunca andou lá, acredito que não terei grandes dificuldades. Além disso, a parte nova da pista será nova para todo mundo. Estamos evoluindo bastante e o foco agora é somar o maior número de pontos possíveis para continuar subindo na tabela” disse o piloto que ocupa a 15a posição do campeonato e mira uma ascensão na metade final do campeonato.

Já para Márcio Campos, bicampeão do Brasileiro de Turismo, as lembranças de Curvelo são as melhores possíveis. O piloto do carro #31 foi o grande vencedor da primeira corrida da principal divisão de acesso à Stock Car no Circuito dos Cristais, no ano passado. Já na segunda prova, cruzou a linha em quinto lugar. Resultados que foram decisivos para que Márcio fechasse 2016 com a conquista do título.

“Tive uma adaptação rápida ao circuito. Lembro que, depois dos dois primeiros treinos, assumi o posto de piloto mais rápido do final de semana. Venci de ponta a ponta, com direito a volta mais rápida. Foi uma grande corrida. Agora, espero usar esta experiência vencedora para me ajudar a construir um bom resultado na Stock Car”, disse o piloto que já marcou um Top10 este ano.

 Diego Nunes quer repetir o bom desempenho em Curvelo

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Na cidade de Curvelo, interior de Minas Gerais, o Circuito dos Cristais recebe pela segunda vez a Stock Car, com a sexta etapa da maior categoria do automobilismo brasileiro. Onde o piloto da Hero Motorsport, Diego Nunes, teve resultados satisfatórios no ano passado liderando mais de 90% da prova e a equipe também vencendo com Rubens Barrichelo.

Mantendo a meta de escalar a tabela de classificação, Diego Nunes quer atingir o Top10 do campeonato, onde dezesseis pontos separam o piloto da décima posição. "Perdemos pontos importantes nessas últimas etapas, mas a cada corrida vamos evoluir e buscar escalar essa tabela, vamos tentar nessa etapa atingir o top10 que está perto. Temos um bom carro e estamos competitivos. Além disso a nossa equipe andou muito bem no ano passado nessa pista, infelizmente na etapa anterior nesse circuito, faltando três voltas, eu estava liderando e tive que entrar para abastecer, tentamos economizar combustível, mas a estratégia acabou não dando certo, faltou um safety car", ressaltou o piloto que tem o apoio da Harald, Vigor, Petronas e Nutry. "Outro foco nosso nessa corrida é buscar o Q3, é muito importante largar na frente em Curvelo", completou. 

Passado por reformas para atender solicitações de pilotos e organizadores, como segurança, o circuito que tinha 4,4 km e 18 curvas, terá um novo traçado com 3,33 km. “Curvelo é uma pista com desgaste razoável de pneus, é uma pista que ainda é novidade para todos os pilotos, mas com certeza essas mudanças foram positivas melhorando a nossa segurança. Gostei muito do traçado, com certeza vai ser melhor e estou confiante para essa nova etapa", disse Nunes.