Red Bull e Renault mais potentes para o Grande Prêmio de Mônaco

Após os testes em Barcelona a Renault já está preparando para levar ao GP de Mônaco a versão atualizada do seu motor. Com isso Red Bull espera conseguir diminuir a vantagem da Mercedes.

Red Bull e Renault mais potentes para o Grande Prêmio de Mônaco
(Foto: Getty Images)

A Renault testou em Barcelona a sua nova unidade de potência que estará nos carros da equipe de fábrica e alé da Red Bull à partir do GP do Canadá. A nova versão do motor francês terá 35 cavalos de potência o que deve resultar em 5 décimos por volta e uma melhor dirigibilidade. Entretanto de acordo com o jornal alemão "Auto Bild MotorSport" a Renault poderá liberar dois motores para serem testados durante o GP de Mônaco. Sendo um será para a equipe de fábrica e o outro para a sua cliente Red Bull

Como se trata de um teste com a nova versão do motor, eles não terão a mesma potência que vem tendo nesses dias em que correu em Barcelona, pois só vão liberar toda a potência do motor no GP do Canadá, assim os motores para a corrida de rua em Mônaco terão 5 cavalos a menos o que não deve ser uma grande perda já que num circuito de rua bem travado a potência do motor praticamente não se mostra ser algo primordial.


Os alemães acreditam que Kevin Magnussen e Daniel Ricciardo devem ser os pilotos escolhidos para testarem em Mônaco a nova versão do motor Renault. Quem está bem feliz com a nova versão do motor é o consultor da Red Bull, Dr.Helmut Marko que afirma que com essa nova versão eles vão poder a Mercedes ainda este ano. "Agora temos a base para bater a Mercedes, ainda este ano na pista ", concluiu.