Fernando Alonso pode abandonar a F1 se não tiver carro competitivo em 2017

Mudanças nos carros do próximo ano vão decidir se Fernando Alonso continuará na categoria da rainha por mais algumas temporadas.

Fernando Alonso pode abandonar a F1 se não tiver carro competitivo em 2017
Getty Images

O bicampeão Fernando Alonso admitiu ao jornal alemão Bild Sport, que 2017 será o ano decisivo para sua permanência na F1. O espanhol que nunca escondeu que não gosta nem um pouco da F1 atual, onde tudo parece ser mais complexo e menos emocionante.  Alonso pretende testar o carro de 2017 para poder tirar a sua conclusão se vai ou não trocar de categoria, lembrando que para 2017 os carros terão pneus maiores e mais largos e mais downforce o que significa que eles serão bem mais rápido do que os atuais, além é claro da mudança no desenvolvimento do motores.  

"Neste momento, eu ainda gosto de corridas. Elas são a minha vida é a única coisa que sei fazer realmente bem. Se os carros não forem divertidos de pilotar no próximo ano, irei mudar de categoria", admitiu.

E novamente o espanhol voltou a falar da sua meta que é ganhar um dia as 24 horas de LeMans: "É uma meta minha vencer algum dia as 24 horas de LeMans ", disse o espanhol.

As 34 anos, e basicamente passando a sua carreira inteira correndo por equipes de ponta, Alonso não se arrepende der deixado a Ferrari no final de 2014. "Havia sido muito doloroso terminar atrás de Red Bull ou Mercedes durante seis ou sete anos e queria manter boas lembranças da Ferrari, não lembranças dolorosas" concluiu.

A verdade é que pelo visto Alonso já notou que será muito difícil em conseguir a vaga na Mercedes já que a preferência é de Hamilton e Rosberg e dificilmente a Honda irá conseguir ter uma super melhora de um ano para outro, além é claro que projeto da Mclaren-Honda para voltar a vencer na F1 deve ser a partir de 2018 ou 2019, isso caso nenhum outra equipe como Red Bull, Mercedes e até mesmo a Ferrari não consigam algo inovador.