Rosberg lidera segundo treino livre no Japão

Novamente deu Rosberg na ponta da tabela só que desta vez seguido bem de pertinho por seu companheiro de equipe Lewis Hamilton. Felipe Massa melhorou em relação ao TL1 e fez o décimo primeiro tempo porém ficou perto de entrar no top 10, Felipe Nasr por sua vez cravou apenas o décimo nono tempo.

Rosberg lidera segundo treino livre no Japão
XPB Images

E a segunda sessão de treinos livres em Suzuka, foi comandada por Nico Rosberg que novamente se impôs sobre seu companheiro de equipe Lewis Hamilton, o inglês que ficou apenas 0,072s do tempo do alemão. Ambos os pilotos da Mercedes que fizeram estratégias diferentes enquanto Rosberg utilizava os pneus médios e macios, Hamilton utilizava os pneus duros e macios ambos que provavelmente estavam coletando dados de ambos pneus para assim poderem terem uma noção para a corrida de domingo caso não chova.

Outra situação que chamou a atenção também foi Rosberg que no momento em que estava na saída do pitlane fazendo um teste de largada, viu seu carro fumaçar, porém nenhum problema foi apresentado.

Kimi Raikkonen por sua vez foi o melhor do resto e cravou o terceiro melhor tempo ficando à 0,3s do melhor tempo da sessão, enquanto isso Sebastian Vettel seu companheiro de equipe ficou apenas com o quinto melhor tempo.

Entre as duas Ferrari tivemos o garoto Max Verstappen que conseguiu segurar um lugar entre os cinco primeiro, além disso o holandês mostrou bom rendimento durante a sua simulação de corrida o que mostra que para domingo a Red Bull vai ter um desempenho bem parecido com o do GP da Malásia. Daniel Ricciardo não conseguiu fazer muita coisa e ficou apenas com o décimo segundo tempo.

A dupla da Force India, Sergio Perez e Nico Hulkenberg fez o sexto e o sétimo tempo logo à frente de Fernando Alonso, Valtteri Bottas e Carlos Sainz Jr que completaram o top 10.

A segunda sessão também houves alguns incidentes e escapadas como havia ocorrido na primeira sessão. Kevin Magnussen foi o primeiro a escapar da pista e ir parar nas britas, logo depois tivemos Daniil Kvyat escapando na curva que antecede a resta oposta, porém  a que mais chamou a atenção foi o momento em que Esteban Gutierrez estacionou o seu carro na área de escape e um guindaste entrou pista na pista para recolhe-lo, fazendo todos reviverem aquele momento trágico de Jules Bianchi no GP do Japão de 2014.

Os brasileiros ainda permaneceram em posições ruins porém Felipe Massa da Williams conseguiu fazer o décimo primeiro tempo ficando a menos de 0,1s do tempo de Carlos Sainz Jr que fez o décimo tempo, já o Felipe Nasr teve que se contentar com o décimo nono lugar enquanto seu companheiro de equipe Marcus Ericsson ficou com a última colocação.