Competição no estilo olímpico de artes e cultura, primeira ArtsGames será em Montreal

Maiores artistas do mundo terão a oportunidade de representar suas nações no cenário da dança, música, literatura artes digitais e visuais

Competição no estilo olímpico de artes e cultura, primeira ArtsGames será em Montreal
Foto: Divulgação/ArtsGames

Na manhã desta quinta-feira (11), no auditório do Centro de Media do Rio (RMC) foi lançado oficialmente o ArtsGames 2018. Em uma entrevista coletiva com os representantes do Comitê Internacional ArtsGames (IAC), os também o ex-medalhista paralímpico Jeff Adams, diretor-executivo da ArtsGames Foundation, Manon Gauthier, representando a cidade de Montreal, Sheila E., que se apresentou com o cantor Prince, e a ex-jogadora de basquete e atleta olímpica canadense Silvia Sweeney, fundadora e presidente, fizeram parte deste momento mundial tão importante para a arte.

O evento que será de interação entre diversas culturas, ocorrerá na cidade de Montreal, Canadá, entre os dias 13 a 21 de janeiro. Para o presidente do IAC, Peter Howlett,O Rio de Janeiro é a escolha natural para apresentar ao mundo o ArtsGames, ainda mais agora, durante os Jogos Olímpicos na cidade”, declarou ao som da apresentação do violinista Alex DePue.

Violinista Alex DePue (Foto: RMC)
Violinista Alex DePue (Foto: RMC)

Há 20 anos, Sylvia Sweeney prometeu ao seu tio, o pianista de jazz Oscar Peterson que organizaria eventos para integração de culturas. A partir deste momento iniciou sua caminhada pelo mundo até a consolidação do ArtsGames. Sylvia contou com o apoio do Comitê Olímpico e agora, no Rio de Janeiro, anunciou a primeira competição independente e multidisciplinar de artes entre nações.

Os artistas poderão competir em cinco modalidades defendendo seus países: dança, música, artes midiáticas, artes visuais e literatura. Para disputar o ArtsGames, os profissionais terão que participar de audições classificatórias, também na cidade de Montreal, sede permanente das pré-eliminatórias finais, onde se apresentarão para uma comissão formada por profissionais dos mais importantes institutos culturais do mundo. As rodadas de qualificação terão início com testes online ainda em 2016, seguidas dos testes de 2017 da ArtsGames.

Comissões de organização foram montadas para consolidação do calendário artístico, que terá vertentes para curtas, animações, jogos digitais nas artes midiáticas; pintura, fotografia e arte de rua pelas artes visuais e histórias curtas, poemas e palavras cantadas da literatura.

A comissão de dança conta com o apoio da Organização Internacional de Dança (IDO), a qual desenvolveu regras e regulamentos para competições que formam a base dos critérios de qualificação para as audições de 2017. Há duas formas de se qualificar para as competições ArtsGames, um dançarino deve participar de um evento sancionado pela IDO ou ser selecionado. As categorias de dança passarão do clássico às contemporâneas, nos estilos de dança africana, ballet, bharatanatyam, dança clássica chinesa, flamenco, dança nativa popular, raqs sharqi, tap, ballroom, hip hop, moderna e salsa para cadeira de rodas.

A música será dividida em clássicos e jazz, cross-cultura e popular. Os juris serão artistas de renome em suas respectivas áreas. Enquanto as artes visuais compreenderão uma competição on-line.

Visando a transmissão de conhecimento, o ArtsGames criou o Olympian, Maestro e Programa de Aspirante (OMAP), o qual os artistas reconhecidos poderão se unir a jovens e assim produzir performances artísticas interessantes.

Montreal, Quebec, Canadá

Montreal é uma cidade que valoriza as artes assim como a diversidade cultural. O local oferece várias opções de galerias, festivais, concertos, salas sinfônicas, museus, feiras de rua e entretenimento ao ar livre.

É esperado mais de 30 mil visitantes e todos serão bem-vindos, pois a infraestrutura local atende a todos os eventos internacionais já sediados por Montreal.

Localizado na província de Quebec, essa é maior cidade e segunda mais populosa do Canadá. Lá está concentrado o maior número de estudantes universitários da América do Norte. Centro de indústria de alta tecnologia é a cidade mais acolhedora para a primeira edição do ArtsGames.

Para um novo mundo

Em um palco de competição todos os continentes e tradições artísticas se apresentarão. Relembrando o passado e construindo um futuro, o ArtsGames reunirá a maior competição internacional de artes e entretenimento. Serão mais de mil competições, 33 disciplinas, das cinco modalidades artísticas que concorrerão as primeiras medalhas de ouro, prata e bronze deste evento mundial inaugural.

A missão é uma: fornecer plataforma global para demonstrar a excelência que existe em todos os povos. Com um objetivo de lançar a união dos artistas e disseminar as diferentes culturas, as edições dos ArtsGames ocorrerá a cada dois anos nas cidades vencedoras de todo mundo, relembrando o ser criativo único que somos e a capacidade comum de humanidade.