Novak Djokovic x João Souza 'Feijão' no US Open 2015
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

Ficamos por aqui! Djokovic vence Feijão por tres sets a um com muita tranquilidade! Até a próxima!

3º SET (2-0), 7º GAME (6-1):  Djokovic vence Feijão com triplo 6/1 na abertura do US Open 2015!

3º SET (2-0), 6º GAME (5-1): Djokovic quebra o serviço de Feijão e vai sacar para o jogo.

3º SET (2-0), 5º GAME (4-1): Djokovic acelera o jogo, acerta boas pancadas na bola e fecha o game sem dificuldades.

3º SET (2-0), 4º GAME (3-1): Djokovic quebra o serviço de Feijão e dá um grande passo para a vitória no jogo.

3º SET (2-0), 3º GAME (2-1): Apático, Feijao perde game para Djokovic sem fazer pontos. 

3º SET (2-0), 2º GAME (1-1): Bem no saque, Feijão empata o terceiro set.

3º SET (2-0), 1º GAME (1-0): Sem dificuldades e passeando em quadra, Djokovic fecha game contra Feijão.

2º SET (1-0), 7º GAME (6-1): Djokovic quebra - mais uma vez - o saque de Feijão e fecha o segundo set em 6-1!

2º SET (1-0), 6º GAME (5-1): Djokovic mistura seus bons saques com uma belíssima esquerda paralela para fechar o game.

2º SET (1-0), 5º GAME (4-1): Djokovic volta a quebrar o saque de Feijão e faz 4-1 no segundo set. 

2º SET (1-0), 4º GAME (3-1): Djokovic não tem dificuldades e fecha mais um game. Encaminhando a vitória no set.

2º SET (1-0), 3º GAME (2-1): Feijão erra última bola junto a rede e é quebrado por Djokovic. 

​2º SET (1-0), 2º GAME (1-1): Lob errado de Feijão e Djokovic confirma o set.

​2º SET (1-0), 1º GAME (0-1): Feijão explora bem os aces, confirma o serviço e abre o segundo set com vitória no game.

​1º SET, 7º GAME (6-1): Novamente sem perder pontos, Novak Djokovic vence o primeiro set! 

1º SET, 6º GAME (5-1): Feijão é bombardeado por Djokovic e é quebrado mais uma vez. Brasileiro salva break-point, mas não impede a derrota no game.

1º SET, 5º GAME (4-1): Djokovic explora a direita descalibrada de Feijão. Brasileiro exagera nos erros não-forçados e sérvio vence sem dificuldades.

1º SET, 4º GAME (3-1): Djokovic consegue a quebra de saque contra Feijão. Não perde pontos e conta com erro não-forçado do brasileiro no fim.

1º SET, 3º GAME (2-1):  Sem dificuldades, Djokovic vence mais um game. Sérvio aposta na velocidade.

1º SET, 2º GAME (1-1): Feijão repete o serviço de Djokovic, perde apenas um ponto, mas empata no primeiro set.

1º SET, 1º GAME (1-0): Djokovic abre o jogo com uma sequência de bons saques e não dá chances para Feijão, que sequer marcar pontos.

 O torneio reúne os melhores tenistas do circuito mundial, inclusive o número um do mundo, Novak Djokovic da Sérvia.

Semifinalista no ano passado, ao perder para o japonês Kei Nishikori por três sets a um, com parciais de 6/4 1/6 7/6 e 6/3, o tenista da Sérvia tenta seu segundo título nas quadras norte americanas. 

Atual número 1 do mundo, Novak Djokovic viveu o melhor ano de sua carreira em 2011, onde conquistou três dos quatro Grand Slams da temporada. Na época, o único revés veio contra Rafael Nadal, na final de Roland Garros. Em 2015, está próximo de repetir o feito. 

Novamente o título escapou em solo francês, tendo Stan Wawrinka como algoz. Porém, Djokovic caminha a passos largos para mais uma vez fechar a temporada vencendo Australia Open, Wimbledon e US Open. É o grande favorito ao torneio americano, tendo Federer e Murray como principais adversários diretos.

Por coincidência, tanto o suíço quanto o britânico foram derrotados por Djokovic em decisões de Grand Slam nesta temporada. No Australia Open, Andy Murray perdeu a final por três sets a um. O mesmo placar se repetiu contra Roger Federer, na última etapa de Wimbledon. 

ão são nem dois anos como profissional, mas Borna Coric mostra que o futuro do tênis tem no croata, as chances de manter o alto nível que o esporte merece. Com apenas 18 anos, recém chegado ao mundo da ATP, o jovem já conseguiu feitos importantes, como vencer Andy Murray e Rafael Nadal.

Não tem nenhum título, ainda, entre as cobras do circuito, mas desde a subida aos profissionais, Coric dá lampejos de gigantismo, como quando venceu Nadal nas quartas de final do ATP 500 da Basiléia, perdendo apenas para o campeão Roger Federer. Já esse ano, emDubai, venceu Andy Murray, caindo apenas, novamente, para o suíço, também campeão do torneio árabe. O futuro promete para esse croata.

US Open (ou Aberto dos Estados Unidos), nomeado formalmente como "United States Open Tennis Championships", é um torneio de tênis disputado nos Estados Unidos.

O US Open é a encarnação moderna do antigo U.S. National Championship, sendo este um dos mais antigos torneios de tênis do mundo, cujo torneio masculino ocorreu pela primeira vez em 1881. Desde 1987, o US Open é cronologicamente o quarto e último dos Grand Slams no ano.

Desde 1978, vem ocorrendo nas quadras do USTA Billie Jean King National Tennis Center em Flushing Meadows, no Queens, na cidade de Nova Iorque.

Ocorre anualmente em Agosto e Setembro, num período de duas semanas (as semanas antes e depois do Labor Day). O torneio principal consiste de cinco diferentes eventos, simples masculino e feminino, duplas masculinas,femininas e mistas, com categorias adicionais para seniores, juniores e usuários de cadeira de rodas.

O primeiro campeonato dos EUA aconteceu em 1881 e é disputado em agosto, em Newport, Rhode Island. O simples damas é disputado pela primeira vez em 1887.

Em 1903, Lawrence Doherty é o primeiro estrangeiro a vencer o torneio. Em 1919, o torneio é transferido para a cidade de Nova York, e em 1926 um francês, René Lacoste, torna-se o primeiro estrangeiro não falante do inglês a triunfar no US Open.

O torneio foi disputado em quadras de grama até 1974, depois em saibro verde entre 1975 e 1977. Em 1997, o estádio Arthur Ashe é inaugurado, podendo acolher 23 500 espectadores, o maior do mundo.

Junto com o Open da Austrália, o Torneio de Roland-Garros e o Torneio de Wimbledon, o US Open compõe os quatro torneios do Grand Slam. O US Open é o quarto e último torneio do Grand Slam da temporada. Ele é disputado em superfície dura ("Decoturf").

O período de 1881–1967 refere-se à era amadora, sob o nome de U.S. National Championships. A primeira edição, em 1881, foi disputada apenas por membros de clubes da United States National Lawn Tennis Association (USNLTA).

A internacionalização veio no ano seguinte, com a organização da United States Tennis Association (USTA). O período de 1884–1911 adotou o formato que incluía o challenge round: jogadores se enfrentavam em fases eliminatórias (como é atualmente) até sobrar um, enquanto que o campeão do ano anterior aguardava a definição dos confrontos, precisando jogar apenas uma vez para defender seu título.

Bom dia, torcedor! Acompanhe agora a partida entre Novak Djokovic x João Souza, pelo US Open 2015! Fique conosco!

VAVEL Logo