Tenista finlandês Jarkko Nieminen anuncia aposentadoria após ser derrotado por Almagro

A derrota por 2 sets a 1 para Almagro, no ATP 250 de Estocolmo, marcou o fim da carreira de Jarkko Nieminen. Com parciais de 6-3, 6/7 e 4/6, o veterano chegou a ter chances de vencer a partida no tie-break do segundo set, mas perdeu dois match-points e deu sobrevida ao adversário, que aproveitou o cansaço de Nieminen e fechou com tranquilidade.

O torneio sueco ficará marcado por ser o primeiro em que Nieminen jogou uma final (2001) e o último em que atuou profissionalmente. Na carreira de 18 anos, o tenista acumulou 405 vitórias e 347 derrotas, tendo como principais conquistas na chave de simples dois torneios ATP 250, em Auckland e Sydney. Nas duplas conquistou 5 campeonatos, um deles contra os brasileiros Marcelo Melo e Bruno Soares, em Gstaad, Suíça.

Muito emocionado ao final da partida, Nieminen foi ovacionado pelos torcedores, que o aplaudiram de pé. A vitória de Almagro ficou de lado, tanto que o espanhol aproveitou o momento para reverencia-lo, assim como juiz da partida, Mohamed Lahyan. Profissionalmente este foi o último jogo de Jarkko, mas a despedida oficial será em um jogo em Helsinque, na Finlândia, contra Roger Federer.

Ícone Nacional

Apesar de não ter o destaque de tenistas como Roger Federer, Nadal e Novak Djokovic, Nieminen acumula recordes em seu país. Atuando na Copa Davis ele é o tenista finlandês que mais conquistou vitórias (59), mais venceu jogos de simples (44), tem mais vitórias nas duplas (14) e foi o quem mais defendeu a Finlândia, atuando por 17 anos. 

Nieminen ainda defendeu a Finlândia em 3 jogo olímpicos, em 2004 (Atenas), 2008 (Beijing) e 2012 (Londres), mas não conquistou nenhuma medalha. O tenista nunca conquistou um Grand Slam, tendo como melhores campanhas as quartas de finais no US Open (2005), Wimbledon (2006) e Australian Open (2008). Como júnior conquistou em 1999 o US Open.

VAVEL Logo