Mischa Zverev supera Isner e avança às oitavas do US Open

As partidas válidas pela terceira rodada da parte de baixo da chave de simples masculina do US Open ocorreram nesta sexta-feira (1). Jogando em casa, o cabeça de chave número dez da competição - John Isner - acabou eliminado do torneio pelo alemão Mischa Zverev.

A vitória do cabeça de chave número 23 foi por três sets a zero, com parciais de 6/4 6/3 e 7/6, após duas horas e oito minutos em quadra.

Com a eliminação de Marin Cilic, haverá um finalista inédito neste US Open

Com o resultado positivo, o tenista da Alemanha garantiu vaga nas oitavas de final da competição. Seu adversário na próxima fase será o 17ª cabeça de chave - Sam Querrey dos Estados Unidos - que passou por Radu Albot da Moldávia por três sets a um, com parciais de 4/6 6/2 6/4 e 6/4, em duas horas e dez minutos.

Confira o resumo do jogo

Desde o primeiro game, quando o norte-americano teve o serviço, ficou claro que teria de enfrentar dificuldades - como normalmente não costuma acontecer. Porém, John conseguiu se segurar, mantendo o placar empatado até o nono game, quando seu adversário encaixou boas devoluções para conquistar a quebra. Na sequência, Mischa confirmou seu saque com facilidade para abrir vantagem: 6/4.

Reagindo, o tenista da casa esboçou uma reação nos primeiros games da segunda parcial, ameaçando o serviço do adversário. Entretanto, não foi capaz de quebrá-lo. Assim, o alemão ganhou confiança: sacando muito bem e fechando a rede, Zverev conquistou duas quebras consecutivas para fechar o segundo set em 6/3.

O tenista dos Estados Unidos equilibrou as ações no terceiro set. Desse modo, a definição foi para o tiebreak, no qual Mischa foi mais agressivo, subindo muito à rede para conquistar a vitória por 7/5.

Na parte de baixo da chave, com a recente eliminação do croata Marin Cilic - cabeça de chave número cinco - ficou definido que neste ano haverá um finalista inédito no US Open. Entre os candidatos, além de Mischa, está o norte-americano Sam Querrey, o italiano Paolo Lorenzi, o sul-africano Kevin Anderson, o canadense Denis Shapovalov, o espanhol Pablo Carreno Busta, o francês Lucas Pouille e o argentino Diego Schwartzman.

LEIA MAIS: Campeão em 2014, Marin Cilic é surpreendido por Schwartzman e está fora do US Open

O melhor do último Grand Slam da temporada, o US Open, você acompanha na VAVEL Brasil.

VAVEL Logo